Lucidez, a luz que acende na alma

francisco do Espírito Santo Neto-pelo espírito Hammed



Lucidez, a luz que acende na alma





Leitores amigos, as preces aqui apresentadas são um ponto de partida para que possamos externar nossas rogativas por meio de reflexões mais profundas. Elas nos ajudarão a expressar anseios e gratidão e a desvendar a força interior que até então desconhecíamos.

Esta humilde coletânea de preces ou súplicas tem como objetivo principal não somente solicitar ajuda, bênção, ou agradecer aquilo que pedimos, mas estimular-nos a meditar sobre aquilo que pedimos e o motivo do pedido, além de nos icentivar a criar novas orações de acordo com nossas próprias fragilidades e dores da alma.

É um conjunto de mensagens seltas, escritas em diferentes épocas e agora reunidas para formatar este livro simples. São preces singelas que não devem ser lidas de afogadilho, de modo apressado e superficial, e sim pausadamente. Também é importante que as utilizemos, não apenas nas horas de aflição e conflitos, mas sempre que houver algum tempo disponível, ou seja, quando estivermos livres de compromissos imediatos.

Sugiro que, depois da leitura destas páginas, fechemos o livro e nos deixemos levar por reflexão pessoal sobre a idéia ali contida, pensando demoradamente e aplicando-a à própria vida. Acredito que recolheremos o alimento espiritual que tanto procuramos para solucionar nossas crises existenciais e para renovar atitudes...

... O criador jamais está distente; nós é que não percebemos sua presença na nossa intimidade. A "Voz de Deus" é a fonte inesgotável de bênçãos e, sempre que nos predispomos à prece, esse diálogo divino acontece em nosso âmago, atrvés de uma linguagem não convencional.

Fundamentando nosso pensamento, lançamos mão da luminosa dissertação de Léon Diniz, o notável filósofo e espírita francês, sobre as leis divinas: " Deus nos fala por todas as vozes do infinito. E fala não em uma Bíblia escrita há séculos, mas em uma bíblia que se escreve todos os dias, com esses característicos majestosos, que se chamam oceanos, montanhas e astros do céu; por todas as harmonias, doces e graves, que sobem do imo da Terra ou descem dos espaços etéreos.

Fala ainda no santuário do ser, ans horas de silêncio e de meditação. Quando ruídos discordantes da vida material se calasm, então a voz interior, a grande voz desperta e se faz ouvir. Essa voz sai da profundeza da consciência e nos fala dos deveres, do progresso, da ascensão da criatura.

Há em nós uma espécie de retiro íntimo, uma fonte prifunda de onde podem jorrar ondas de vida, de amor, de virtude, de luz. Ali se manifesta esse reflexo, esse gérmen divino, escondido em toda Alma humana."

Por final leitoes, depositamos em suas mãos estas pçáginas para que delas retirem as forças necessárias para enfrentar as constantes batalhas travadas na vida íntima. Leiam-se um pouco a cada dia. Abram-se sempre que quiserem experimentar momentos de paz e oração, ou mesmo um estado de espírito propício a mudanças comportamentais.



Hammed - Catanduva, 9 de setembro de 2008.

Edições (1)

ver mais
Lucidez, a luz que acende na alma

Similares

(1) ver mais
Renovando Atitudes

Estatísticas para Lucidez, a luz que acende na alma

Desejam1
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.1 / 13
5
ranking 38
38%
4
ranking 31
31%
3
ranking 31
31%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

25%

75%

Vanêssa - RJ
cadastrou em:
26/05/2010 22:38:27


logo skoob
"Quem dedica boa parte de seu tempo livre às ferramentas de rede social, como Orkut e MySpace, tem agora um novo passatempo."

A Notícia