A Ditadura Envergonhada


4.15365 397



A Ditadura Envergonhada





# Em 1984, o jornalista Hélio Gaspari ganhou uma bolsa de três meses do Wilson Center for International Scholars. Sua intenção era escrever um ensaio cujo título já estava definido: "Geisel e Golbery, o Sacerdote e Feiticeiro". Em cerca de cem páginas, Gaspari pretendia explicar por que entre 1974 e 1979 o ex-presidente e o chefe do seu gabinete Civil desmontaram a ditadura militar, quando na década anterior, entre 1964 e 1967, haviam ajudado a construí-la. A convicção de que bastariam cem páginas foi abandonada; dezoito anos depois, o que era um ensaio se transformou em cinco livros. Em A Ditadura Envergonhada, o leitor vai encontrar um minucioso relato do golpe de 1964, com seus lances de acaso e improvisos, a luta pelo poder nos primeiros anos do governo militar, a criação do SNI e os bastidores da elaboração dos primeiros atos institucionais, até a edição do Ato Institucional nº5 , em dezembro de 1968, e a famosa aula de tortura de outubro de 679, dada por um tenente no quartel da Vila Militar no Rio de Janeiro, quando a ditadura deixa de se envergonhar de si própria.
# Esta obra trata-se do primeiro livro da coleção e primeiro volume da série As Ilusões Armadas

História do Brasil

Edições (2)

ver mais
A Ditadura Envergonhada
A Ditadura Envergonhada

Similares

(2) ver mais
Batismo de Sangue
Marighella

Resenhas para A Ditadura Envergonhada (7)

ver mais
Balanço de horrores


Durante os 21 anos da ditadura militar, pouco havia de politicamente mais vital do que saber o que os militares faziam nas masmorras do regime e entre as salas dos ministérios – informação não só difícil de conseguir, como também perigosa para quem não fazia parte dos círculos do poder. ...
publicidade

Estatísticas para A Ditadura Envergonhada

Desejam139
Trocam8
Avaliações 4.1 / 415
5
ranking 42
42%
4
ranking 33
33%
3
ranking 20
20%
2
ranking 2
2%
1
ranking 1
1%

56%

44%

Helena
cadastrou em:
06/01/2009 19:33:57
Helena
editou em:
05/01/2015 23:55:35


logo skoob
"Uma ferramenta como essa pode certamente ser usada por professores para incentivar a leitura."

Jornal do Brasil