E se Amanhã o Medo

E se Amanhã o Medo
4.14286 49



Resenhas - E se Amanhã o Medo


1 encontrados | exibindo 1 a 1


Carina 11/09/2013

Ondjaki melhorado
Ondjaki melhorou muito desde a última vez que o vi – lá no antigo livro “Bom dia camaradas”. Sua linguagem encorpou, cresceu em poesia e ganhou em força narrativa.
Eu, que era fã exclusiva de Mia Couto, agora me divido entre duas paixões, pois seus estilos são parecidos (ainda que sejam igualmente únicos). De qualquer forma, o que isto prova é a beleza da prosa africana de língua portuguesa – uma das mais inovadoras nos últimos tempos.
Trechos:

“Toda noite é palco para estrelas, candeeiros e olhos acontecerem.”

“Velhice é ir todos os dias despedindo um pouco coisas que inda nos tocam as paredes do coração”.

“Ocorreu-me, da minha varanda, novamente a ideia de os aeroportos, os portos e os cais serem, mais do que lugares de partida, lugares de desencontro. Um toque íntimo de destinos cruzados mas, no instante seguinte, a infinita distanciação das pessoas”.

“A vida é pesada”.

“Esperar, no fundo, não passa de um exercício de paciência, um modo de estar próprio aos humanos. Já as árvores suportam melhor esse estádio.”

“o susto é uma construção interna, carecendo de pressupostos”.

“Talvez os acontecimentos estejam em fila, ordenados, justos, esperando para colidir com as pessoas, e as pessoas, iludidas, pensem que a colisão além de natural é aleatória”.
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1



logo skoob
"Diferentemente das redes de relacionamento pessoal, o que importa no site não são as fotos dos usuários ou para que time eles torcem, e sim o que merece ou não ser lido."

Estadão