Em Chamas

Em Chamas

4.61944 57219



Resenhas - Em Chamas


100 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7


Jaque 21/04/2016

Fogo
É o melhor da trilogia. É muito bem feito, com o melhor enredo.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Kaue 20/04/2016

Em Chamas
Katniss se mostra neste segundo livro, a personagem fruto de conflitos. Ao mesmo tempo em que lida com amor, precisa se preocupar com a família, distrito e guerra.

A construção da personagem como símbolo político é de longe o que a autora conseguiu desenvolver melhor em toda a obra. Talvez por ser uma protagonista feminina - carregando assim mais drama ao peso de ser um símbolo - o desenvolvimento consegue transitar entre o drama e a ação sem desgaste.

A única coisa que incomoda neste e no primeiro livro é a narrativa em primeira pessoa, a autora escolheu essa opção talvez para criar uma prossimidade com o leior. Funciona bem, mas sendo o conflito e ideologia política os verdadeiros protagonistas, uma narrativa em terceira pessoa ficaria melhor para abranger todos os distritos em pontos de vistas.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Sil 14/04/2016

E QUE COMECEM OS JOGOS
Boa tarde conterrâneo,
se você está muito afim de uma aventura distópica e mais atual, tenho a sugestão perfeita: Jogos vorazes. A trilogia, escrita pela norte-americana Suzanne Collins, simplesmente conquista o nosso coracebo . Os livros, tratam muito bem essa questão do povo oprimido, governo manipulador temos uma pitada de romance, mas nada que seja mulherzinha demais rsrs.

O primeiro livro, tem como nome Jogos vorazes, é onde somos apresentados ao povo de Panem, que conforme manda o governo, é dividido em 12 distritos, onde cada distrito tem a função de produzir e fornecer algum tipo de matéria para a Capital. Obviamente, temos distritos muito bem, e distritos muito mal servidos. Até ai, a coisa já está ruim, mas tem como piorar: todo ano, a Capital organiza os jogos vorazes, onde uma garota e um garoto de cada distrito, são colhidos (sim, colhidos, de colheita), e são jogados em uma arena, onde devem se matar, até que só reste um tributo. Por que fazem isso? Os jogos, são um lembrete, de que a Capital, tem poder máximo sobre os distritos. Nesse livro, somos apresentados à Katniss Everdeen, a mocinha da história, nossa mocinha irá de alguma forma desafiar a Capital. O que mais encanta, é o fato de Katniss não ser como as demais mocinhas dos livros Young Adults, ela é confiante, protege os seus, não é romântica, e é muito inteligente e habilidosa. Uma sobrevivente.
No segundo livro, chamado Em chamas, uma nova edição dos jogos acontece, não posso resumir muito, pois isso pode estragar a surpresa da leitura. Apesar da Capital estar no controle de tudo, descobrimos uma traição, descobrimos que as coisas nem sempre são o que parecem ser, e que dentro da arena, nem todo mundo é inimigo.

O terceiro livro, de nome A esperança, foi o mais chocante, pois há um fato que ocorre que nos deixa de boca aberta, e onde descobrimos que ás vezes, os autores sabem ser bem cruéis.

Temos muitos personagens envolvidos na trama, mas não vou me ater muito á eles, basta você saber que a história é boa, que vale a pena, e que os personagens não são cansativos. Leitura super recomendada!

Abraços

site: http://www.colunadovale.com.br/e-que-comecem-os-jogos/
comentários(0)comente



Mary 03/04/2016

O melhor livro da saga
Essa é a segunda vez que li esse livro, nao sou muito de reler livros mas decidi reler a trilogia porque é a minha preferida, e nao me arrependi nem um pouco.
Muitos personagens importantes para A Esperraça foram apresentados, e o meu preferido tambem, Finnick Odair âºï¸
Tinha me esquecido do quanto eu tinha me apaixonado por esses livros e ainda bem que eu lembrei.
O massacre quartenario... O que dizer sobre? Pra mim, muito mais emocionante que a 74 edicao.
à o livro que completa jogos vorazes e faz uma ligacao com
esperanca.
Descobri também que a katniss nao é nem um pouco legal. Nao gostei dela desde a 2 vez que li jogos vorazes. Muito pouco confiante e muito chata, eu diria ate. Coisa que o filme nao mostra
comentários(0)comente



Tatá 19/03/2016

Que a Sorte esteja ao seu Favor
Katniss Everdeen e Peeta Mellark nos últimos Jogos Vorazes, algo parece ter mudado para sempre em Panem.
Aqui e ali, distúrbios e agitações dão sinais de que uma revolta é iminente.
Katniss e Peeta, representantes do Distrito 12, não apenas venceram os Jogos, mas ridicularizaram o governo e conseguiram fazer todos, incluindo o próprio Peeta, acreditarem que são um casal apaixonado.

A confusão na cabeça de Katniss não é menor do que a das ruas.

Em meio ao turbilhão, ela pensa cada vez mais em seu melhor amigo, o caçador Gale, mas é obrigada a fingir que o romance com Peeta é real.
Já o governo parece especialmente preocupado com a influência que os dois adolescentes vitoriosos, transformados em verdadeiros ídolos nacionais, podem ter na população.

Por isso, existem planos especiais para mantê-los sob controle, mesmo que isso signifique forçá-los a lutar novamente.
comentários(0)comente



K 05/03/2016

olá
Bem esse é o segundo livro eu posso até ser ocupada ao falar bem, só que sou apaixonada pelos livros de Jogos Vorazes e os filmes.
Você que não leu ainda, leia se você curti uma história onde tem guerra (não e aquela "guerra" mas se você ler vai entender) você vai sofre com alguns personagens vai ser incrível aí quando termina você vai ser minha amiga hahah brincadeira.
Como o nome já diz jogos (arena, disputa, poder, leis, "governo") vai ser o que você irá encontrá.
Espero que goste.
comentários(0)comente



Vih 07/02/2016

Uma aventura incrível
Essa trilogia é perfeita ! Ainda estou lendo o 2° livro. Apesar dos Jogos vorazes serem jogos extremamente (na minha opinião ) ruins, pois só causa sofrimento para aqueles que são escolhidos para irem á arena e para suas famílias, a partir que Katniss e Peeta são selecionados para os jogos começa a Revolução. O tordo.
comentários(0)comente



Thaty.Bazoni 01/02/2016

Em Chamas
Depois da improvável e inusitada vitória de Katniss Everdeen e Peeta Mellark nos últimos Jogos Vorazes, algo parece ter mudado para sempre em Panem. Aqui e ali, distúrbios e agitações nos distritos dão sinais de que uma revolta e iminente. Katniss e Peeta, representantes do paupérrimo Distrito 12, não apenas venceram os Jogos, mas ridicularizaram o governo e conseguiram fazer todos - incluindo o próprio Peeta - acreditarem que são um casal apaixonado.
A confusão na cabeça de Katniss não é menos do que a das ruas. Em meio ao turbilhão, ela pensa cada vez mais em seu melhor amigo, o jovem caçador Gale, mas é obrigada a fingir que o romance com Peeta é real. Já o governo parece especialmente preocupado com a influência que os dois adolescentes vitorioso - transformados em verdadeiros ídolos nacionais - podem ter na população. Por isso, existem planos especiais para mantê-los sobre controle, mesmo que isso signifique forçá-los a lutar novamente.
comentários(0)comente



Gabis 29/01/2016

The girl on fire
Gostei bem mais deste livro, e li mais rápido do que o primeiro. Tem mais ação, mais cenas que não apareceram no filme e, ao contrário de muitas trilogias, não é só uma ligação chata entre o começo e o fim :)
comentários(0)comente



Tracinhas 26/01/2016

por Thatiane Teixeira
Depois de terem vencido os Jogos Vorazes, de uma maneira nem um pouco convencional para a Capital, Katniss e Peeta voltam ao distrito 12. Agora as coisas mudaram um pouco, pois Gale que já tem 18 anos e não foi escolhido como tributo, precisou trabalhar nas minas de carvão para sustentar a família; e família de Katniss passou a morar na aldeia dos vitoriosos, uma espécie de “bairro” construído pela Capital para abrigar os vencedores dos jogos. As casas são bem diferentes das outras da Costura e além de garantir um certo conforto para os vencedores, a Capital é responsável por garantir a alimentação e a fartura para os vencedores. Esse benefício é estendido à todos do distrito por pelo menos um ano. Até a chegada de Peeta e Katniss, a única pessoa que morava na aldeia era o Haymitch.

Além dessas mudanças, Katniss precisa encontrar uma forma de superar as terríveis lembranças da arena. Agora ela sai sozinha para caçar e em alguns momentos chega a confundir a realidade com as imagens que ainda aterrorizam sua mente. Apesar de se mostrar bastante apaixonada por Peeta durante a arena, Katniss ainda se sente insegura em relação aos seus sentimentos e confusa entre os dois garotos.

Como o livro é narrado em primeira pessoa, a gente não tem ideia do que está se passando no mundo além daquilo que a personagem principal está vendo. Mas, por causa da sua atitude rebelde, aquela ameaça de comer amoras envenenadas juntos com Peeta para não haverem vencedores na arena, muitos distritos se rebelaram contra a Capital e principalmente o presidente Snow. Assim, Katniss começa a ser constantemente ameaçada e um belo dia, quando chega em casa após caçar para ajudar a alimentar a família de Gale, encontra com o presidente em pessoa na sua casa para ter uma “conversinha carinhosa” com ela.

Ao sair de viagem para a Turnê da Vitória, os tributos vencedores começam a entender como a realidade nos outros distritos é diferente. A primeira parada acontece no 11, distrito da adora Rue, aliada de Katniss na arena e adora por todos. Durante os discursos dos vencedores é possível entender a importância da atitude de Peeta e Kat na arena. O principal símbolo do distrito 12 (_lll_) passa a ser adotado pelos demais como um dos sinais da revolução que estar por vim.

Após passar por todos os distritos e voltar pra casa, Peeta e Katniss começam a entender que dois fatos mudaram para sempre: as pessoas não aceitam mais as ordens de Snow e a relação deles nunca mais será a mesma.

Para a Capital é hora de começar os preparativos do Massacre Quaternário, evento que acontece a cada 25 anos para marcar no aniversário dos Jogos Vorazes. E bem… Como Snow não está nem um pouco satisfeito, ele guarda uma carta na manga para todos nós.

Sem sombra de dúvida, Em Chamas é o melhor livro da trilogia. Suzanne Collins guardou todos os segredos no primeiro livro e garantiu que todos nós fossemos ainda mais surpreendidos com o segundo livro. O enredo é muito envolvente, os acontecimentos fazem você quer terminar o livro o mais rápido que pode e as revoltas dos distritos dão um toque de atualidade para a história.

A diagramação esta impecável, assim como no primeiro livro. O conceito margem/espaçamento/fonte está muito bem desenvolvido e a diagramação simples, com destaque para as folhas amareladas, não poderia deixar o livro mais perfeito. Já deu pra perceber que, Em Chamas é de longe o meu livro favorito da série, né!

site: http://jatracei.com/post/137678335757/resenha-123-jogos-vorazes
comentários(0)comente



Juliana.Valiengo 25/01/2016

Em Chamas
O segundo livro da saga também é muito bom,possui fácil linguagem e de todos é o que possui mais cenas de ação deixando o leitor mais aflito sobre o que vai acontecer,mas no meio de toda essa ação possui partes muito emocionantes.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Mateus 21/01/2016

Enquanto você viver, a revolução vive
Em “Em Chamas” continuamos a trajetória caótica da vida da Katniss, que pensava estar livre de toda a influência da Capital quando ganhou a septuagésima quarta edição dos Jogos Vorazes. Mas isso não ocorre porque, ao contrário de todas as outras edições, nessa houveram dois vencedores: Katniss e Peeta, que num ato desesperado de sobrevivência acabaram sendo poupados pela Capital, até agora.

Nessa edição que garantiu a vitória aos dois jovens do distrito 12 nós vimos que uma estratégia foi usada para que eles seguissem adiante na competição, e sabemos também que essa estratégia foi bem unilateral, porque o Peeta não precisava fingir nada, portanto, desconhecia essa estratégia, até saírem dos Jogos. Então tudo entre os amantes desafortunados ficou estranho, porque o Peeta sente algo muito forte pela Katniss e achava que isso era recíproco, mas a Katniss não faz a menor ideia do que ela sente e nem se isso é algo relevante pra ela.

Até que o Presidente Snow aparece em sua casa no Vilarejo dos Vitoriosos do distrito 12 e afronta a garota sobre sua atitude na final dos Jogos Vorazes. Que aquela fagulha de desobediência à Capital pode facilmente inflamar toda a sociedade e desconjurar um sistema. Com uma ameaça direta pairando não só sob sua cabeça como a todos que são próximos a ela, a estratégia de um romance entre Katniss e Peeta tem que ser muito bem interpretado e até elevada a outros níveis para convencer toda a Panem de que o ato foi feito por amor e não por um afronte às regras impostas pela Capital.

Os ganhadores dos Jogos Vorazes do ano, logo depois de uma pausa desfrutando as suas novas vidas, são convocados a fazer uma tour pelos distritos para agradecer e deixar algumas mensagens aos tributos de cada distrito que morreram durante os Jogos. E é durante a tour que em um desses distritos tudo sai do controle e as esperanças de estabilizar o clima revolucionário dos distritos parecem ser impossível.

75 anos de Jogos Vorazes. A cada 25 anos os Jogos Vorazes é “comemorado” de uma forma especial e chamado de Massacre Quaternário. No terceiro Massacre Quaternário, para surpresa de todos e suspeita de muitos, irá trazer um tributo masculino e um feminino do rol de vitoriosos de cada distrito de volta à arena. Para o distrito 12 isso quer dizer que Katniss irá voltar e Haymitch e Peeta irão ser escolhidos na colheita para acompanhá-la. Será que tudo isso é coincidência ou será que a Capital não está dando seus jeitos para acabar com a eminente revolução pela raiz?

“Em Chamas” é um livro muito bem escrito, cheio de reviravoltas e teorias que nos deixam pensativos quanto as táticas da Capital de querer calar e conter as ameaças à conjuntura da sociedade. Nós vemos um controle muito forte da Capital de querer abafar tudo. Primeiramente o Presidente afrontando pessoalmente Katniss em casa, depois as mídias fazendo edições para não mostrar aos outros distritos os levantes que estão acontecendo ao redor de Panem. Mortes virou algo constante e banal. A estrutura de segurança do distrito 12 mudou e se tornou bem mais rígida. Tudo está se moldando para que a Capital não caia, mas tudo indica que o simples ato de cogitar comer as amoras envenenadas na final dos Jogos Vorazes inflamou um desejo de revolução, por parte dos distritos, que há muito vem sido deixado de lado.

É surpreendente e instigante. Não basta você devorar as páginas que falam como a sociedade está gradativamente se degradando e como isso afeta a Katniss que se vê aflita por, involuntariamente, ter causado tudo isso, você se vê também empolgado em ver como a Katniss vai tentar conter tudo isso para proteger todos aqueles que ela colocou em risco, involuntariamente.

Outro destaque no livro é o relacionamento entre ela e Peeta, que é algo bem problemático. Nós sentimos um amor tão grande pela ingenuidade e pureza de Peeta e um pouco de ódio pela indiferença e indecisão da Katniss, mas vemos que durante essa atuação para tentar conter o clima caótico dos distritos, vemos que ela precisa dele, que não tem para onde correr, há sentimento ali, só basta ela enxergar isso.

Considero o melhor livro da saga, é empolgante, instigante, traz à tona o início de toda a problemática da saga e ainda te faz cair no canto com várias situações. Vocês vão conhecer pessoas maravilhosas nesse Massacre Quaternário e perder muitas delas. Vão se ver terminando esse livro muito rápido, porque a Suzanne criou um mundo muito instigante, apesar de trágico, que nos imerge de uma forma tão absurda que não tem como parar até nós vermos no que tudo isso vai dar. Há esperança?
comentários(0)comente



100 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7