Faça seu login para ter acesso a todo conteúdo, participe também do sorteio de cortesias diárias. É rápido e gratuito! :) Entrar
Login
Livros | Autores | Editoras | Grupos | Trocas | Cortesias

A Garota Que Você Deixou Para Trás

Jojo Moyes
Resenhas
Recentes
58 encontrados | exibindo 1 a 5
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12


Michelle 20/10/2014

Uma leitura rápida e agradável
Resolvi ler esse livro por já ter lido e gostado de outro título da autora, o "Quem eu era antes de você".

"A garota que você deixou para trás" começa com a história de Sophie na França do início do século XX. Sophie relata como conheceu o seu marido, um artista impressionista, em Paris, e os rumos que suas vidas tomam por conta da Primeira Guerra Mundial e a ocupação de algumas cidades pelos francesas pelos alemães. Sophie, quando seu marido é levado para o front, volta para sua cidade natal e assume o hotel de sua família, que será usado pelos alemães para que façam suas refeições.

Dando um salto no tempo e no espaço, já nos anos 2000, vemos Liv, uma jovem viúva que tenta encontrar um motivo para retomar sua vida e seguir em frente. Liv foi casada com um promissor arquiteto que morre repentinamente em uma viagem. Liv não consegue se livrar das lembranças e nem das coisas que representam David. Até que um dia, por conta do roubo de sua bolsa, Liv conhece Paul. Paul é um americano divorciado que traz para a vida de Liv a alegria que ela achou que nunca mais sentiria.

Mas o que Sophie e Liv têm em comum? Você vai ter que ler para descobrir! Muitas reviravoltas, segredos e surpresas são revelados no decorrer do romance.

O livro mostra como o passado, mesmo que você não tenha conhecimento dele, pode afetar o futuro.

OPINIÃO

Não gostei tanto quanto gostei de "Quem eu era antes de você", mas me agrada a forma como Jojo Moyes escreve. Ela consegue nos passar uma ideia do que acontecia aos prisioneiros durante a Primeira Guerra, e o medo e o terror que aquelas sentiram e passaram. Ela também nos mostra através de Sophie e Liv que as perdas não são sempre algo negativo. Às vezes para ganhar precisamos abrir mão de algo que amamos muito.


site: http://nerdantenada.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Ariana 18/10/2014

Resenha: A garota que você deixou para trás
Quando amamos, independente do tempo que passamos longe, se o sentimento é verdadeiro... Esperamos para que o nosso amado passe a porta e volte para nossos braços... Amar, é envelhecer ao lado da mesma pessoa, respeitando seus vícios e atitudes... Amar... sempre é bom estar amando...

Se você procura um livro onde possa contar uma linda história de amor, cenário de guerra, lutas, perdas, com suspenses, cheio de frio na barriga... Com certeza você vai querer e deve ler A garota que você deixou para trás. Mais uma vez sou surpreendida com Jojo Moyes, me fazendo viajar entre os detalhes de cada época.

Confesso, estou ainda surpreendida com tamanha criatividade da autora a trazer em sua obra flash backs que aumenta, sem dúvida, a curiosidade em saber o que de fato aconteceu e acontece na vida das protagonistas. Antes mesmo de querer esse livro, tinha o visto nas prateleiras em destaque, mas nunca imaginei quanta riqueza em detalhes havia!!! Sem dúvida, entrou na minha estante de livros favoritos!!!

Duas mulheres de épocas totalmente diferentes e cujas características muito fortes... Nos deparamos com uma história que se passa na Primeira Guerra Mundial e ao mesmo tempo, uma história atual. Ao mergulhar nesta história de romance, quando pensa que já está finalizando e de certa maneira, decretando o fim... Jojo Moyes nos mostra que para se ter certeza realmente do que de fato ocorreu, é necessário chegar a última página. Pode te provocar lágrimas, euforias, emoções, ou tudo ao mesmo tempo...

Duas histórias que são unidas por meio de um quadro totalmente cheio de histórias, conquistas, desavenças familiares, circunstâncias a qual todos estão contra a mulher a qual o quadro se refere... A garota que você deixou para trás.

O que me chamou muito atenção é, que o livro conta história de duas mulheres, como disse, em épocas totalmente diferentes, uns 100 anos de diferença para ser mais precisa.

A primeira parte do livro, nos deparamos com a história de Sophie e Édouard. Que se conheceram um pouco antes da Primeira Guerra Mundial. Essa primeira parte é cheia de flash back e requer que o leitor fique atento a cada virada de página (isso me chamou muito a atenção) para que possa entender os detalhes que estão inseridos na história de como eles se conhecerem e momentos que estavam passando mediante a Guerra.

Édouard é um homem apaixonante, e não é a toa que conseguiu conquistar o coração de Sophie, um poeta, pintor, que ao querer homenagear a sua esposa pinta-a em um quadro. Mas infelizmente, devido a guerra, foi convocada a se alistar... Passam-se 4 anos e Sophie nos demonstra ser uma mulher cheia de coragem e fé, a espera de seu marido. Em nenhum momento demonstra que o sentimento pelo seu esposo tenha se enfraquecido, pelo contrário, Sophie nos mostra como é motivada pela sua fé e a certeza de encontrar o seu amado, mesmo que as outras pessoas falem que ele deveria estar morto...

E uma das coisas mais valiosas que Sophie possui é o quadro...

Sophie conhece um general alemão e considera a hipótese de que ele poderá, sutilmente, em ajudá-la... Mesmo que isso vale a sua própria vida. E temos um desenrolar de interesses deste komandante tanto pelo quadro quanto pela própria Sophie.

Ela sem pensar no que poderia lhe ocorrer, mas sempre, com o propósito de rever o seu marido, faz uma proposta ao Komandante . Infelizmente, as pessoas de sua redondeza acreditam que Sophie esteja ajudando seus inimigos e intitula como contribuinte.

"Talvez haja alguma coisa de ordinário na minha aparência que o tenha convencido de que eu não recusaria".

Chega essa parte, e você imagina que não há outra protagonista, você está tão mergulhando, quando vira a página, está escrito. SEGUNDA PARTE. Vamos a ela?

Passaram-se mais de 100 anos e conhecemos a vida de Liv, uma mulher que foi casada por 10 anos com um arquiteto chamado David. Sua casa era totalmente de vidro, enorme, pois foi desenhada e construída pelo seu marido. Porém, David veio a falecer e após 4 anos sem se envolver, Liv, se depara com seus trinta anos, onde percebe que, após a morte de seu esposo muitas coisas mudaram e outras necessitavam que ela lutasse.

Conhece um homem chamado Paul, e descobre que a pintura a qual mais amava e que fizera lembrar de momentos que viveu juntamente com David, é um quadro que possui uma história de lutas e também carregada de interesses.

Liv, agora, quer lutar para ficar com o quadro, mas a cada instante, procura formas para que possa obtê-lo, conhece a fundo a história não só de amor, entre um simples homem para sua esposa, mas de valores históricos, morais e outros interesses.
Liv não sabe o que fazer... E você o que faria?!?

Experiência maravilhosa ao mergulhar nesta leitura, e espero que você tenha despertando o interesse e a curiosidade em conhecer mais a fundo sobre esta linda história de A garota que você deixou para trás.

"O que isso ensina à gente, Sr. McCafferty, é que na vida há coisas muito mais importantes do que vencer.

site: http://ariabooks.blogspot.com.br/2014/05/livros-garota-que-voce-deixou-para-tras.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Valentim 22/09/2014

Surpreendente!
O livro é divido em duas partes, a primeira relatando a história de Sophie Lefèvre, esposa de um exímio pintor, Édouard, que se afastou devido a primeira guerra. Sophie é obrigada a colaborar com os soldados alemães, servindo-os em seu restaurante, onde guarda a sua imagem pintada pelo seu marido, um quadro de valor simbólico.

O quadro desperta uma forte atração no oficial comandante, o que leva Sophie propor uma negociação arriscada para rever o seu marido.

A primeira parte termina sem um final definitivo. A segunda parte apresenta a história de Liv Halston que foi presenteada com o quadro por seu marido, antes que ele morresse. Mas logo Liv é notificada que o quadro foi roubado por soldados alemães e os atuais parentes da família Lefèvre o deseja de volta. Liv precisa provar que o quadro foi comprado por seu marido e durante a busca de provas ela vai descobrindo aos poucos o passado de Sophie e percebendo que ambas estão juntas em uma mesma história.

Tenho o hábito de julgar o livro pela capa e pelo título e sempre me surpreendo. Esperava que o livro fosse um romance meloso, com uma história bem clichê... mas não é assim. Achei o começo do livro bem chato, tanto que enrolei muito para ler, foi no finalzinho da primeira parte que comecei a gostar... logo quando da para compreender nitidamente a história. Estava em dúvida em avaliar com 3 ou 4 estrelas, achei que o final muito simples, a autora poderia elaborar mais dava para caprichar. O que me prendeu foi o enredo, que difere dos demais livros de romances. Então deixo minha avaliação em três estrelas e meio (hahaha), vale a pena ler!
comentários(0)comente



Aninha 15/09/2014

Minha resenha ?
Esse livro conta a história de Sophie, Sophie era uma mulher de uma beleza simples e rara, esforçada e de grande atitude.

Que acabou sendo separada do seu marido Édouard, por causa da primeira guerra, mas seus problemas estão apenas começando. De repente Sophie se vê obrigada a colaborar com os oficiais alemães.

Fazendo algumas pessoas desconfiarem de sua honestidade, mas no meio de tudo isso, ela acha uma possível maneira de rever seu amado, e assim quem sabe conseguir salva sua vida.

Então ela acaba entrando em um perigoso jogo, onde o Comandante da ocupação alemã, está envolvido. Será que o comandante é capaz de manter sua palavra? Até onde Sophie, é capaz de ir para rever e salva a vida de seu amado? Será que vale a pena a riscar a sua vida, sua honestidade e o pior de tudo a vida de sua família ?

Até onde o ser humano é capaz de ir? Até onde a fé pode levar uma pessoa? Será que no fundo todos nós temos sentimentos, por mais que algumas pessoas nunca consigam demonstrar isso?

Um livro maravilhoso, que vai ter fazer comer cada página, contado em duas décadas diferentes, que do nada envolve novos personagens, que te fazem conhecer mais sobre Sophie, uma mulher tão forte e firme que mesmo depois de anos, consegue revirar a vida de Liv, uma recente viúva que leva uma vida totalmente parada e solitária.

Galera, eu achei esse livro ótimo, ele me surpreendeu muito, ele de alguma forma consegue mostrar até onde o homem é capaz de ir, o que a fé pode fazer, e como muitas vezes podemos ser egoístas, ou seja, eu recomendo esse livro e dou cinco estrelinhas no skoob.

site: http://cantinhodacarolll.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



58 encontrados | exibindo 1 a 5
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12



Publicidade


logo skoob beta
"A rede social é perfeita para amantes da leitura"

Blog do Curioso - IG