Faça seu login para ter acesso a todo conteúdo, participe também do sorteio de cortesias diárias. É rápido e gratuito! :) Entrar
Login
Livros | Autores | Editoras | Grupos | Trocas | Cortesias

A Garota Que Você Deixou Para Trás

Jojo Moyes
Resenhas
Recentes
58 encontrados | exibindo 6 a 11
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12


Vane 14/09/2014

Que livro maravilhoso.
Ele é dividido em dois tempos e conta a história de duas mulheres distintas, mas ao mesmo tempo muito parecidas. A primeira parte do livro, acontece durante a Primeira Guerra Mundial, por volta de 1916. A segunda parte se passa no ano de 2000.
Toda a história se passa em volta de um quadro, intitulado como 'A garota que você deixou para trás'.
Na primeira parte do livro, conhecemos a garota do quadro, sua história e todo o seu esforço para manter sua família em segurança e ao mesmo tempo tentar fazer com que seu marido retorne em segurança dos campos.
Na segunda parte, uma viúva ganhou o quadro de presente de seu marido, mas está prestes a perder esse quadro, pois seus legítimos donos o querem de volta, custe o que custar.
Um livro lindo e romântico.
comentários(0)comente



Ida 08/09/2014

A garota que você deixou para trás
Este é o segundo livro da escritora Jojo Moyes que leio e mais uma vez me encanto pela sua narrativa. Sua escrita é envolvente, a história rica em detalhes mas sem ser enfadonha, os personagens cada qual com sua especificidade peculiar que nos cativa desde as primeiras páginas.

De fato uma história que jamais esquecerei, a escritora sabe muito bem criar o enredo de suas histórias, e mesmo sendo o livro dividido em duas partes o leitor não se perde nos acontecimentos que são tão bem construídos pela autora.

A primeira narrativa é em primeira pessoa, Sophie Lefèvre narra sua triste história que acontece na pequena cidade francesa St Péronne, o período é a primeira guerra mundial, esta pacata cidade sofre da ocupação dos alemães fazendo da vida de seus moradores um verdadeiro circo de horrores e crueldade, nossa querida Sophie e sua irmã cuidam do hotel da família, Le coq Rouge, que acabam posteriormente servindo, obrigatoriamente, jantares para alguns oficiais alemães. Dentre eles está o Herr Kommandant que se apaixona pelo quadro de Sophie, onde outrora seu marido, Édouard Lefèvre, um famoso pintor francês, havia pintado num momento de plena felicidade do casal. O quadro intitulado “A garota que você deixou para trás”, chama sua atenção pela vivacidade das cores e pela expressão que a mulher do quadro lança para aqueles que a encaram, representa uma outra Sophie, de uma outra época...

Londres, ano de 2006, aqui a narrativa é em terceira pessoa, encontramos Olivia Halston, uma jovem viúva de um famoso arquiteto, David Halston, que mora sozinha numa casa em que ele construiu para ela e tem como grande lembrança sua, um quadro, que ganhou dele durante uma viagem de lua de mel pela Espanha, o quadro “A garota que você deixou para trás” está pendurado na parede de seu quarto, ela tem por esse quadro uma verdadeira admiração e recordação de seu amado marido.

O quadro vai ser a ligação que unirá a história dessas duas mulheres, Sophie e Liv, o passado e o presente. A autora desenvolve essa transição de tempo muito bem, conforme a história avança mistérios ficam soltos no ar e a gente fica questionando, se perguntando o que aconteceu com Sophie e Édouard Lefèvre? O que aconteceu com o quadro?

Avançando com a história mais um pouco vemos Liv lutar judicialmente para provar que seu marido comprou o quadro e deu a ela como um presente de casamento, pois familiares de Édouard Lefèvre lutam pela posse do quadro alegando que o mesmo foi roubado pelos alemães durante a primeira guerra, algo que era muito comum que ocorria em tempos de guerras, enfim, é uma história interessante, um romance e um drama ao mesmo tempo, sendo bem escrita e que nos trás um final surpreendente, posso dizer com toda certeza que gostei do resultado final desse livro e fiquei com muito mais vontade de ler outros livros da Jojo, sem sombra de dúvida sua escrita me conquistou, quero poder continuar comprovando e me encantando com outras histórias narradas por esta brilhante autora.
comentários(0)comente



Ivi 06/09/2014

A Garota Que Você Deixou Para Trás
A GAROTA QUE VOCÊ DEIXOU PARA TRÁS (Jojo Moyes)




Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 15º livro lido em 2014 e foi A GAROTA QUE VOCÊ DEIXOU PARA TRÁS (Jojo Moyes). Estava curiosa para ler outro livro da Jojo Moyes, mas ao mesmo tempo com medo de que uma outra obra não estivesse no mesmo nível que o maravilhoso COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ. Mas deixei os medos para trás e me aventurei nesta história.

O livro nos traz duas protagonistas: Sophie, uma francesa que está sofrendo com a ocupação alemã na aldeia em que mora no interior da França em plena Primeira Guerra Mundial e, a Liv, uma inglesa, que em 2006 tenta seguir com a vida apesar da morte do marido. O que estas duas mulheres têm em comum? Um quadro chamado A GAROTA QUE VOCÊ DEIXOU PARA TRÁS.

Sophie conheceu o marido Édouard em Paris, ele era um homem digno, além de ser um pintor talentoso, e apaixonado por Sophie, fez um retrato dela em um tela pintada à óleo. Eles se casaram e viviam felizes até que Édouard é levado pelos alemães como prisioneiro e Sophie fica morando com sua irmã no hotel da família e é obrigada a servir os soldados alemães e assim ela conhece um comandante, conhecedor de arte e que se apaixona pelo retrato que Édouard fez dela.

Quase 100 anos depois, membros da família de Sophie contratam uma agência especializada em recuperar objetos que eles acreditam ter sido roubados pelos alemães e a busca específica se concentra no quadro de Sophie que agora enfeita a parede da casa de Liv e do qual ela não faz a mínima ideia de seu valor e história. O quadro é para Liv, mais que uma obra de arte, foi um presente do marido em sua lua de mel e ela tem um carinho intenso por ele e se recusa a devolve-lo à família.

O livro é incrível. Os personagens ganham dimensões muito bem delineadas e eu consegui visualizar cada um deles dentro de seus próprios argumentos. Sophie era uma mulher forte, destemida e determinada a reencontrar o seu marido. Seu amor por ele fez com que ela cometesse transgressões contra ela própria, mas de alguma forma, ela acreditava que era o que tinha que ser feito.

Consegui ver o mesmo empenho e paixão em Liv, mesmo que toda a realidade fosse diferente e ainda que todos tentassem mostrar que ela devia abrir mão. Duas mulheres que nunca se conheceram, mas com características muito parecidas.

Além das duas personagens principais, os outros personagens que orbitam a trama são muito bem construídos: Hèléne, a irmã de Sophie, que não a recrimina mesmo não concordando com suas atitudes. O coronel alemão que tinha como função subjugar as duas mulheres francesas e que não deixava de ser humano e uma vítima de todo aquele cenário de tristeza. Temos ainda o Paul, um ex policial americano que tem como objetivo profissional devolver o quadro a família de Sophie, mas está apaixonado por Liv. E ainda uma amiga de Liv, a Mo, que com bom humor consegue dar leveza a determinados pontos da história.

O livro é delicioso de ser lido. Uma escrita bem estruturada, com um enredo original e inesquecível. As cenas descritas possuem muita sensibilidade e bom gosto e a narrativa é quase poética de tão bonita. Fiquei impressionada com a fluidez dos acontecimentos e em como eu não conseguia deixar de ler o livro, amarrada à história e me sentindo íntima dos personagens.

Super recomendo a leitura. Com este livro, a escritora Jojo Moyes ganhou uma fã para a vida inteira e embora o livro tenha outro ritmo que o adorado COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ, isso só me mostra o quanto ela é versátil e criativa.

Se você tiver a oportunidade de ler, não pense duas vezes, o livro é bom demais!
"Não quero parecer cínico nem nada, mas não acha que uma das razões dessa perfeição na sua cabeça é o fato de ele ter morrido? Tudo sempre fica perfeito quando é cortado antes do tempo. Há uma indústria de ícones mortos no cinema que provam isso." página 165
comentários(0)comente



Fabíola 27/08/2014

A Garota Que Você Deixou Para Trás
Este livro é emocionante. Na parte um conta sobre St Péronne durante a primeira guerra mundial. Sophie e Hélène são grandes guerreiras, que cuidam das crianças e do bar Le Coq Rouge enquanto seus maridos lutan na guerra. A parte dois, já conta a história de Liv, uma viúva que tem um quadro que era a pintura de Sophie, que Édouard (seu marido) havia pintado e que por causa dele sua vida vira do avesso. Não posso dar spoiler, mas esse livro faz pensar se vale a pena lutar por certas coisas. Recomendo a leitura!
comentários(0)comente



Nathy 24/08/2014

Incrivelmente tocante, delicado e ao mesmo tempo forte. Jojo Moyes possui o dom da escrita, fazendo o leitor entrar na história de tal forma que quando o livro acaba, o que fica no lugar é um vazio e a sensação de conhecer intimamente cada personagem como se fossem melhores amigos de infância.
O livro é brilhante, talvez com a narrativa um pouco confusa em alguns pontos, cansativa logo no começo, mas sem desvalorizar a maravilhosa história contida nessas preciosas páginas.
O desfecho do livro é surpreendente e a mensagem final não poderia ser melhor. Sem dúvidas, um dos meus livros favoritos, de uma autora que sabe como prender um leitor da forma mais gostosa, com romance e mistério na medida certa.
comentários(0)comente



58 encontrados | exibindo 6 a 11
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12



Publicidade


logo skoob beta
"Se você não achar um livro lá, você pode cadastrá-lo. Isso é um diferencial, porque o acervo se torna ilimitado"

Gazeta do Povo