Faça seu login para ter acesso a todo conteúdo, participe também do sorteio de cortesias diárias. É rápido e gratuito! :) Entrar
Login
Livros | Autores | Editoras | Grupos | Trocas | Cortesias

O Baile dos Deuses

Trilogia do Círculo - Vol. 2

Nora Roberts
Resenhas
Menos Gostaram
28 encontrados | exibindo 1 a 5
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Thay 16/07/2013

Múltiplos sentimentos ...
O segundo romance da série foca mais na guerreira: Blair e no de múltiplas formas: Larkin, mostrando como é difícil para uma mulher independente e sozinha aceitar o amor de um homem simpático, irresistível e irritante ... E no meio de tudo isso tem discussões, amor, o fogo de uma paixão. É bom mas o primeiro livro é um pouco melhor, o que não significava que este não seja apaixonante também.
comentários(0)comente



Cris Oliveira 06/08/2011

Esse segundo livro da trilogia é ainda melhor do que o primeiro. Temos muito sobrenatural, romance, magia, união e ação.
O foco nesse está no segundo casal que se forma.. a guerreira Blair e o transmorfo Larkin. Um casal que vai nos emocionar a cada ação e a cada romance. Os diálogos entre eles são ótimos - emoção, sarcasmo, ironia, paixão, sinceridade, sentimento puro!
O circulo está formado.. após muita luta eles conseguem de uma forma emocionante ir para Geall.
Em Geall teremos muita ação também, algumas surpresas e muita emoção.
Cian, o vampiro sarcastico e charmoso, tem atitudes que surpreendem... estou doida para saber a continuação dessa nova relação que se forma.
Hoyt e Glenna continuam lutando tanto pela vida quanto por seu amor.
Os vampiros continuam cada vez piores... muita maldade, mas também teremos muita união do outro lado. E no pacote temos também - um dragão maravilhoso, passeios em cachoeiras, arco íris, armadilhas, romances arrebatadores, transformações internas, lutas e muita determinação.
Vale a pena ler cada palavra.
E que venha o último - O Vale do Silêncio !
comentários(0)comente



Adriana 05/12/2011

Este é o segundo volume da Trilogia do Círculo, lançamento recente da maior romancista de todos os tempos, Nora Roberts. Esta é uma história onde Nora se aventura pelo universo sobrenatural dos vampiros. Aqui eles são retratados como seres do mal, que querem o controle absoluto de todos os mundos. A saga se inicia com A Cruz de Morrigan, cuja resenha você pode ler AQUI.

Agora que o círculo já está formado, os seis escolhidos têm uma missão importante a cumprir. Além de se prepararem para o confronto final, eles devem passar pelo baile dos deuses e chegar a Geall, a terra de onde vieram Larkin e Moira, e que não fica neste mundo.

Mas para isso eles terão de enfrentar alguns obstáculos, sendo o maior deles encontrar uma forma de levarem Cian junto. Isso porque ele é um vampiro, e segundo os deuses, estes seres não podem pisar em solo sagrado. E o Baile dos Deuses é um destes locais. Agora o grupo tem que achar uma forma de levá-lo e também de protegê-lo, caso cheguem em Geall durante o dia, quando o sol mataria Cian.

Neste meio tempo, enquanto lutam e fazem preparativos, Larkin e Blair começam a perceber uma forte atração ligando a ambos. Mas o passado, sempre um fator de complicação, de Blair é algo que a impede de sequer pensar em um relacionamento. Ela é forte e destemida, mas tão frágil quanto qualquer outro ser humano, mesmo que faça de tudo para não demonstrar.

E Larkin logo percebe isso, e trata de desarmá-la, camada por camada, para chegar ao coração da bela donzela. Um ser que muda de forma e uma caçadora de vampiros, que bela dupla Nora escolheu para protagonizar este livro!

Como em A Cruz de Morrigan, a autora narra a história alternando os pontos de vista dos dois que formam o casal da vez. Mesmo assim, em alguns momentos a narrativa é feita por outro dos protagonistas, e até mesmo pela vilã Lilith.

Adorei este livro, acho que o casal teve em bom entrosamento e que Roberts soube mais uma vez prender a atenção do leitor da primeira a última página. E minhas expectativas para o próximo e último volume são as melhores possíveis. Isso porque o último casal é sempre o mais complicado e explosivo nas trilogias de Nora, e Cian e Moira prometem muitas cenas maravilhosas e ação do início ao fim!

O Vale do Silêncio com certeza é uma das minhas próximas aquisições e espero resenhar em breve para vocês. Recomendo altamente esta série para quem ainda não se cansou de vampiros ou quer vê-los descritos sobre uma outra perspectiva.

Resenha em: http://mundodaleitura.wordpress.com/2011/11/15/nora-roberts-o-baile-dos-deuses/
comentários(0)comente



Grazi Nayoara 06/08/2011

O Baile dos Deuses no log Prateleira Cultural (http://prateleiracultural.blogspot.com/2011/08/o-baile-dos-deuses-nora-roberts.html)
Sinopse: "Ele viu onde a terra estava queimada, onde estava devastada. Viu as próprias pegadas na lama quando galopava em meio à batalha, na forma de um cavalo. E viu a mulher que o montara espalhando destruição com uma espada flamejante...
Blair Murphy sempre trabalhou sozinha. Destinada a ser uma caçadora de vampiros num mundo que crê nessas criaturas, ela vive para caçar. Mas, agora, vê-se como uma guerreira num círculo de seis, escolhida pela deusa Morrigan para derrotar a vampira Lilith e seus asseclas.
Aprender a ter confiança nos outros sempre fora uma tarefa árdua, pois Blair jamais se permitiu tal luxo. Eis então que ela se vê atraída por Larkin, um homem capaz de assumir múltiplas formas. Como cavalo, ele é soberbo e elegante; como dragão, esplendidamente feroz; e como homem... bem, Blair já teve sua parcela de bonitões, mas nenhum tão lindo e charmoso quanto este nobre vindo do passado.
Dentro de dois meses, o círculo de seis enfrentará Lilith e seus exércitos em Geall. A fim de completar os preparativos e recrutar forças para a batalha, o círculo viajará através do tempo para o mundo de Larkin, onde Blair deverá escolher entre lutar contra a atração esmagadora que sente por ele ou arriscar tudo por um amor que nunca poderá acontecer..."

Sabe quando você lê um livro bom e pensa: “Será que a continuação vai conseguir ser tão boa assim?” Pois é. O Baile dos Deuses não é tão bom quanto A Cruz de Morrigan. É melhor!

Agora que o círculo está completo, os seis escolhidos pela deusa Morrigan tem que se preparar para a grande batalha contra Lilith. O mundo está cada vez mais perigoso e as palavras de ordem são treinamento e estratégia. Os vampiros continuam sendo seres perversos e precisam ser controlados antes que causem o caos completo.

O confronto final se aproxima e os vampiros são oponentes cruéis com os quais não se pode brincar. No entanto, os integrantes do círculo também tem tempo para romances, pois Glenna e Hoyt se casaram e Blair e Larkin começaram a sentir atração um pelo outro. Vou ser sincera e dizer que os dois últimos formam um casal bem mais interessante que os primeiros. O jeito durão de Blair e o jeito brincalhão de Larkin originam diálogos muito bons.

Aos poucos, Larkin e Blair vão se aproximando cada vez mais. Ele é muito fofo e, se o Cian não existisse, seria o meu personagem preferido. =D

"E, por fim, achou que simplesmente havia se apaixonado por seus olhos."
Página 205

"- Eu não sabia que tinha isso dentro de mim. Que poderia sentir tanto por alguém. Que poderia saber, sem me questionar, sem uma sombra de dúvida, que esta mulher é... bem, tudo o que existe para mim."
Página 313

"- (...) Achei que você estava zangado comigo.
- Estava... estou, um pouco. És uma criatura frustrante, Blair. E eu nunca tive que me esforçar tanto para cortejar uma mulher.
- Cortejar? – Alguma coisa lhe ficou entalada na garganta. – Não gosto desse negócio de cortejar.
- Isso já está bem claro, mas eu gosto. Um homem tem que satisfazer a si mesmo tanto quanto à mulher que lhe atraiu a atenção, não tem? Mas, em todo caso, frustrado ou não, eu não te deixaria só."
Páginas 101/102

O mais legal desse livro é que ele intercala momentos românticos com momentos de ação. O planejamento, a tensão que gira em torno do confronto com os vampiros é muito legal. A viagem que eles fazem no tempo, do nosso mundo para Geall, também acrescenta uma perspectiva interessante para a estória.

Obviamente, não posso deixar de falar de Cian. Ele continua lindo e charmoso como sempre. Espero ansiosamente pelo próximo livro, O Vale do Silêncio, que trará Cian e Moira como casal principal. \o/

"Aqueles olhos, pensou ele, ao fechar a porta quando ela saiu. Aqueles olhos cinzentos e amendoados poderiam matar um homem.
Sorte a dele já estar morto."
Página 227

Vou repetir o que falei na resenha de A Cruz de Morrigan: Esse livro está super recomendado para quem gosta de aventura, romance e vampiros (daqueles que não saem ao sol e nem tem reflexo no espelho).

comentários(0)comente



Patty 05/10/2013

Muito bom!
O segundo livro da Trilogia do Círculo não perde em nada para o primeiro. Ele também contém cenas de tirar o fôlego e nos deixar ansiosos juntos com os personagens.
Terminei de ler já doida pra ver qual vai ser o final, o que o velho tem a revelar, o qual por sinal, já desconfio quem seja! :)
Até agora uma ótima história que recomendo a todos os apaixonados pelo gênero.
comentários(0)comente



28 encontrados | exibindo 1 a 5
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6



Publicidade


logo skoob beta
"Diferentemente das redes de relacionamento pessoal, o que importa no site não são as fotos dos usuários ou para que time eles torcem, e sim o que merece ou não ser lido."

Estadão