A Era das Revoluções - 1789 - 1848

Eric J. Hobsbawm



Resenhas - A Era das Revoluções


11 encontrados | exibindo 1 a 11


Doney 28/08/2014

Lista de Livros: A Era das Revoluções - Eric J. Hobsbawm
“Sob qualquer aspecto, a revolução industrial foi provavelmente o mais importante acontecimento na história do mundo, pelo menos desde a invenção da agricultura e das cidades.”
*
“Brevemente as nações esclarecidas colocarão em julgamento aqueles que têm até aqui governado os seus destinos. Os reis fugirão para os desertos, para a companhia dos animais selvagens que a eles se assemelham; e a Natureza recuperará os seus direitos.”
(Saint-Just - 1793)
*
“Não é verdade que a guerra seja determinada por princípio divino; não é verdade que a terra tenha sede de sangue. O próprio Deus amaldiçoa a guerra, como o fazem também os homens que a empreendem e que a suportam em secreto horror.”
(Alfred de Vigny)
*
Mais em:


site: http://www.listadelivros-doney.blogspot.com.br/2014/08/a-era-das-revolucoes-1789-1848-eric-j.html
comentários(0)comente



HARRY BOSCH 03/06/2014

Revoluções
Uma das maiores revoluções é a do autor que proporciona uma viagem muito interessante tendo como ponto de partida a situação do mundo em 1789.Ao final da viagem podemos perceber o quando os fatos passados contribuem para o nosso entendimento presente.
comentários(0)comente



Albuquerque 09/05/2013

Denso
Um livro de inegável valor histórico, que traz comentários sobre vários aspectos do período de tempo estudado (principalmente socio-econômicos).

Pontos fortes:

- Reflexão densa sobre o Capitalismo e o Socialismo;
- Análise do início dos movimentos sindicais e das teorias revolucionárias (comunismo, anarquismo);
- Estudo sobre a aplicação prática das teorias preconizadas na época;

Pontos fracos:

- Leitura rebuscada, é preciso muita concentração para acompanhar o pensamento de Hobsbawnm em algumas partes, fora as citações incontáveis de outros autores (muitos mesmo, alguns desconhecidos do grande público), como se já conhecessemos todas as teorias de cor.
comentários(0)comente



Anne 30/11/2012

O Livro inicia fazendo um retrospecto da situação do mundo no séc. XVIII: resquícios de relações feudais na sistema de produção agrícola, o desenvolvimento da agricultura e das relações comerciais, a situação difícil em que se encontravam os agricultores sujeitos a cobranças excessivas de impostos que dificultavam o desenvolvimento, a concentração fundiária nas mãos da nobreza, a Europa contendo as maiores aglomerações urbanas da época, principalmente Londres e Paris. Um mundo em transformação evidente.
O desenvolvimento da indústria algodoeira, da indústria de bens de capital, do avanço nos transportes através da construção de ferrovias...
comentários(0)comente



Morfindel 03/11/2010

Tetralogia
Livro muito bom que inicia a tetralogia das Eras, começa com As Revoluções, segue com O Capital, depois vem Os Impérios e termina com Os Extremos, para quem quer conhecer a história recente do mundo e principalmente da Europa.

O Historiador do Século XX, Hobsbawm.
Ceinwyn 27/10/2012minha estante
Ok, mas por que ele é bom? Vc é capaz de mais do que isso Morfs...




Arthur Machado 03/04/2010

Crítico e bem-escrito
Partindo da ideia de que as duas revoluções que fizeram o mundo o que ele hoje é, Hobsbawm traz análises profundas sobre as causas e efeitos das revoluções burguesas.

Especialmente recomendáveis são os capítulos da ideologia secular, da carreira aberta ao talento e as ciências
comentários(0)comente



IvaldoRocha 26/08/2009

Uma grande aula de história dada por um grande historiador.
Uma grande aula de história dada por um grande historiador. Embora em alguns momentos a quantidade de informações citadas, torne a leitura um tanto pesada, no final, através das suas observações sempre muito bem argumentadas, terminamos com um panorama histórico bem completo do período.
comentários(0)comente



Andre Amaral 19/08/2009

Este não é um livro para aprender o que aconteceu na época citada. O autor parte da premissa que o leitor já tenha um conhecimento bom do tema, de forma que ele cuida de comentar e analisar as consequências especialmente da Revolução Francesa e da Revolução Industrial.

De maneira geral isso não é um grande problema. O que pega um pouco mais é que ele exige um conhecimento mais aprofundado ao citar autores, pensadores e artistas da época como se estivéssemos familiarizados com a obra de todos eles. É preciso um repertório extenso pra acompanhar e não deveria ser o caso de um livro que não pretende ser acadêmico.

De toda forma, a análise é bastante ampla e ajuda muito a compreender porque o mundo mudou tanto nesse período, não apenas as nações mas, principalmente, os indivíduos.
comentários(0)comente



Betão 18/06/2009

Ótimo livro
Hobsbawm é um excelente autor! O livro é ótimo para se estudar principalmente a Revolução Industrial e a Revolução Francesa, e sua influência no passar dos anos, no entanto o conteúdo é apresentado até 1848, dai em diante temos as outras "Eras" de Hobsbawm
comentários(0)comente



cleitonlima 11/06/2009

Quem sabe das coisas sabe. Hobsbawn, quando crescer quero ser igual a você!
comentários(0)comente



Bruna 21/04/2009

Nem
Li por,pura obrigação, não gostei nenhum pouco deste livro, nunca mais na minha vidaaaa....
comentários(0)comente



11 encontrados | exibindo 1 a 11



logo skoob
"Diferentemente das redes de relacionamento pessoal, o que importa no site não são as fotos dos usuários ou para que time eles torcem, e sim o que merece ou não ser lido."

Estadão