14

14 Jean Echenoz
James Joyce


Compartilhe


14





Romance mais recente de Jean Echenoz, um dos mais respeitados nomes da literatura francesa contemporânea, 14 foi um grande sucesso de crítica e público quando lançado em 2012, vendendo mais de 20 mil exemplares em sua primeira semana nas livrarias. O livro, composto por quinze capítulos breves, aborda de forma original o tema da Primeira Guerra Mundial, a partir das histórias individuais de cinco amigos, e uma mulher, que partem para o front sem ter a menor ideia do que os espera. Num estilo apurado, avesso a toda ênfase sentimental ou épica, Echenoz revisita o conflito que definiu os rumos do século XX a partir da perspectiva da gente comum, que se viu entregue à própria sorte, fosse para sobreviver à longa matança, fosse para recomeçar a vida, um dia.

Como o tempo se prestasse às mil maravilhas e como fosse sábado, dia em que suas funções lhe permitiam folgar, Anthime saiu depois do almoço para dar uma volta de bicicleta. Seus planos: aproveitar o sol franco de agosto, fazer algum exercício e respirar o ar do campo, talvez até ler um pouco, deitado sobre a relva... A cena é bucólica e ensolarada, mas esse sábado logo tomará outro rumo: estamos em 2 de agosto de 1914, dia da mobilização geral numa França que se precipita para a guerra. Não tardará para que Anthime, Charles, Blanche, Padioleau, Bossis, Arcenel e tantos outros sejam tragados pela guerra mundial que então começava. Os homens vão confiantes, as mulheres ficam à espera, uns e outros supondo que tudo isso é coisa de quinze dias, no máximo: o tempo de ir a Berlim, dar uma boa lição ao imperador Guilherme e voltar para casa, na Vendeia rural. Não será assim, e é desse divórcio entre a euforia dos primeiros tempos e o horror das trincheiras que nasce 14, novo romance do escritor francês Jean Echenoz. Num estilo avesso a toda ênfase sentimental ou épica, Echenoz revisita o conflito que definiu os rumos do século XX a partir da perspectiva da gente comum, da carne de canhão quase anônima que se viu entregue à própria sorte, fosse para sobreviver à longa matança, fosse para recomeçar a vida, um dia. Uma obra-prima.

Edições (3)

ver mais
Ulysse
14
14

Similares

(3) ver mais
 Os Thibault (Coleção 5 Volumes)
Os Thibault
Nada de Novo no Front

Resenhas para 14 (3)

ver mais
#3
on 10/1/17


Achei que era um romance, mas vai mais pro lado da novela. Leitura muito dura sobre vidas de jovens franceses destruídas pela primeira guerra mundial, Echenoz opta por não construir através de memórias, mas olhar para um presente sendo destruído pouco a pouco. A metamorfose de Anthime e seus colegas me lembrou muito Vá e Veja, filme do Elem Klimov. Mas é isso, compacto, austero, e atento para o absurdo da guerra.... leia mais

Estatísticas

Desejam64
Trocam1
Avaliações 3.7 / 40
5
ranking 18
18%
4
ranking 45
45%
3
ranking 38
38%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

47%

53%

Marcos Pedro
cadastrou em:
31/10/2014 17:57:08