676 Aparições de Killoffer

676 Aparições de Killoffer Killoffer


Compartilhe


676 Aparições de Killoffer





Killoffer começa seu livro 676 aparições de Killoffer com autocomiseração, inquieto com a louça suja esquecida em casa, em Paris, antes de cruzar o Atlântico até o Quebec.

Esse “junkie”, como gosta de se chamar, sabe muito bem valorizar a própria sujeira e a si mesmo. Ao longo do livro ele se reproduz 675 vezes, e o leitor é desafiado a contar. Ele traça com maestria esta história noir em preto e branco, nesta publicação monstro, 25x36,5cm, e monstruosa.

O livro surgiu de um intercâmbio entre a França e o Canadá. Killoffer ganhou uma bolsa de estudos e hospedagem para viver em Quebec tendo, como contrapartida, escrever um livro sobre a província. Nem é preciso dizer que o livro foi vetado pela instituição que ofereceu a viagem porque, entre outras descomposturas, o autor declara em seu texto que ele era ali apenas um filtro de digestão: digeria Paris e a transformava em merda francesa na América.

HQ, comics, mangá

Edições (1)

ver mais
676 Aparições de Killoffer

Similares

(14) ver mais
Lucille
Kerouac
Killing and Dying
1001-1

Resenhas para 676 Aparições de Killoffer (1)

ver mais
Explorando o lado "preto e branco" do humano...
on 13/1/13


Tenho explorado mais quadrinhos recentemente, com as contribuições de Alisson Prestes, que me apresentou a este título surpreendente. A forma como o autor explora as dimensões humanas, logo em quadros não lineares e em preto e branco, denota uma compreensão empírica desta nossa pequena confusão, às vezes autosabotadora, que rege nossa visão e ações. O desfecho, de fato, torna a história ainda mais fascinante e factível... RGiuliano... leia mais

Estatísticas

Desejam19
Trocam2
Avaliações 3.9 / 42
5
ranking 33
33%
4
ranking 33
33%
3
ranking 29
29%
2
ranking 2
2%
1
ranking 2
2%

49%

51%

silas.
cadastrou em:
29/12/2010 13:54:19
caarolparker
editou em:
15/01/2020 14:41:22