Cortesia: Arrastados

Finalizou em: 24/01/2022

Autora do best-seller Holocausto brasileiro lança o relato mais completo e emocionante sobre a tragédia em Brumadinho ocorrida em 2019 No dia 25 de janeiro de 2019, às 12h28, a B1, barragem desativada da Mina do Córrego do Feijão, explorada pela mineradora Vale na cidade de Brumadinho, Minas Gerais, rompeu. Seu rastro de lama, rejeitos de minério e destruição se estendeu por mais de 300 quilômetros, levando torres de transmissão, trens de carga, pontes, casas, árvores, animais e, na contagem oficial da tragédia, a vida de 270 pessoas (ou 272, considerando as duas gestantes entre os mortos). Jornalista investigativa premiada, a mineira Daniela Arbex foi a campo para reconstituir em detalhes as primeiras 96 horas após o colapso. Ela entrevistou sobreviventes, familiares das vítimas, bombeiros, médicos-legistas, policiais e moradores das áreas atingidas. Arbex retornou à região para acompanhar o impacto das indenizações e contrapartidas institucionais para a reparação dos danos materiais. Além da escrita precisa da autora – que reconstitui a trajetória das vítimas e dos trabalhos de resgate de forma detalhada e impactante, mas com extrema delicadeza –, o livro apresenta ainda fotografias que ajudam a dimensionar e humanizar a tragédia. Mais uma vez, Daniela Arbex constrói memória e impede que mais uma catástrofe brasileira se perca em meio à banalidade do noticiário cotidiano.
Editora: Intrínseca
ISBN-13: 9786555605648
ISBN-10: 6555605642
Ano: 2022
Páginas: 328
Idioma: br
Autor: Daniela Arbex
Gênero: Comunicação,História do Brasil,Literatura Brasileira,Não-ficção,
 
Disponíveis: 5 Participantes: 12188


Ganhadores