A Confissão de Antônio Silvino

A Confissão de Antônio Silvino Leandro Gomes de Barros


Compartilhe


A Confissão de Antônio Silvino





ESTROFES

Antônio Silvino, um dia,
Pensava na sua vida,
Dizendo: - Minha existência
Neste mundo foi perdida
Eu perco a graça do eterno
E o carrasco do inferno
Me espera de mão erguida!

Dessa vez, encontrou um padre,
Entrando em conversação.
Disse o padre: - Não se entregue
A tal desesperação!
Jesus, nosso salvador,
Não despreza o pecador
Tá no céu de prontidão!

Contos

Edições (1)

ver mais
A Confissão de Antônio Silvino

Similares

(9) ver mais
Leandro Gomes de Barros: Vida e Obra
História do Boi Misterioso
Ecos da Pátria
Juvenal e o Dragão

Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.5 / 2
5
ranking 50
50%
4
ranking 50
50%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

100%

0%

Gerdson
editou em:
23/11/2016 22:48:49