A leitora incomum

A leitora incomum Virginia Woolf


Compartilhe


A leitora incomum





Os cinco ensaios reunidos neste livro foram escritos entre 1919 e 1929, publicados em suplementos e revistas literárias e depois organizados pelo marido da escritora, Leonard Woolf, no livro Granite and Rainbow. São textos sustentados pela tríade leitor/livro/escritor e a minuciosa análise crítica de Virginia. Há ensaios mais robustos, como Fases de Ficção, em que a autora passeia por alguns movimentos e gêneros literários, mostrando como eles funcionam e se relacionam, e outros mais simples e poéticos, como Uma mente implacavelmente sensível, em que define Katherine Mansfield como uma das leituras mais apaixonadas que já fez. Traduzir Virginia Woolf não é uma tarefa simples, mas deixa marcas claras e a certeza de que ela merece ser lida para além de seus romances, mostrando que a escrita era sua ferramenta primordial de subjetivação plena. Ela jamais foi uma leitora comum.

Ensaios

Edições (1)

ver mais
A leitora incomum

Similares


Resenhas para A leitora incomum (1)

ver mais
A leitora incomum, de Virginia Woolf
on 12/7/18


Em se tratando de Virginia Woolf, sou do tipo leitora mineira: estou lendo pelas beiradas. Há quem se surpreenda quando eu digo, mas, até o momento, não li nenhum dos romances da autora (nem Mrs. Dalloway!). Woolf me conquistou e continua me conquistando, sobretudo, por seus magníficos ensaios. Um dia desses eu mergulho nos romances, certamente o farei, mas tenho certeza de que já li o suficiente da escritora inglesa para admirar a sua inteligência e virar sua fã de carteirinha. O l... leia mais

Estatísticas

Desejam19
Trocam1
Avaliações 4.1 / 16
5
ranking 38
38%
4
ranking 44
44%
3
ranking 19
19%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

9%

91%

Hell
cadastrou em:
04/10/2017 18:22:24
Hell
editou em:
04/10/2017 18:43:14