A Missão Secreta de Rudolf Hess

A Missão Secreta de Rudolf Hess Martin Allen


Compartilhe


A Missão Secreta de Rudolf Hess


O Estranho Vôo do Vice de Hitler e o Segredo Mais Bem Guardado da Espionagem Britânica




Na noite de 11 de maio de 1941, enquanto se desenrolavam graves embates da Segunda Guerra Mundial, o primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Winston Churchill, passava um agradável fim de semana com amigos e assessores na propriedade de Ditchley Park, em Oxfordshire. Dois anos antes, a Polônia e quase toda a Europa Ocidental haviam tombado diante dos ataques germânicos. A Rússia ainda estava fora do conflito, e os Estados Unidos insistiam numa posição de neutralidade. Assim, o Império Britânico combatia as forças do Eixo praticamente sozinho e, mesmo com um acúmulo de derrotas, não parecia disposto a ceder.

Após o jantar, o telefone soou, e o secretário particular do primeiro-ministro não tardou em lhe passar o conteúdo da mensagem. Em síntese, naquela noite, um piloto alemão que saltara de pára-quedas na Escócia insistia em dizer a seus captores que era Rudolf Hess, o vice do Reich alemão, amigo íntimo de Adolf Hitler. Churchill, que dificilmente se deixava espantar, desta vez ficara atônito: Rudolf Hess está na Escócia?

Em A missão secreta de Rudolf Hess, o historiador Martin Allen apresenta a versão definitiva deste misterioso episódio da Segunda Guerra Mundial. Pesquisando em farta e nova documentação e dispondo de testemunhos de personagens ligados ao episódio, ele revela que a inusitada ação de Hess foi na verdade fruto de um engenhoso ardil perpetrado pelos serviços de inteligência britânicos para iludir os alemães e ganhar tempo. Allen descreve passo a passo a montagem da armadilha, que contou com a colaboração de personagens em Londres, Berna, Lisboa, Madri e Berlim. Ele sustenta que Hitler foi levado a acreditar na existência de um grupo de políticos dissidentes, membros da alta esfera da elite britânica, inclinados a derrubar Churchill e fazer a paz com a Alemanha. Sua aposta em tal possibilidade levou-o não só a permitir que Hess fizesse seu vôo clandestino como também reforçou sua disposição em precipitar o ataque contra a União Soviética.

A versão de Allen para este episódio desfaz de uma vez por todas a crença de que Rudolf Hess seria um louco que teria agido isoladamente. Churchill, por sua vez, deixa de ser o personagem pego de surpresa, já que estaria a par de toda a trama desde o início. Certamente sua surpresa foi apenas a da descoberta de que o emissário alemão se tratava de ninguém menos que Rudolf Hess em pessoa.

História / História Geral

Edições (1)

ver mais
A Missão Secreta de Rudolf Hess

Similares

(17) ver mais
A Farsa de Churchill
Franklin e Winston
Histórias Não (ou Mal) Contadas: Segunda Guerra Mundial, 1939 - 1945
100 historias secretas de la Segunda Guerra Mundial

Estatísticas

Desejam20
Trocam1
Avaliações 4.1 / 28
5
ranking 36
36%
4
ranking 43
43%
3
ranking 21
21%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

64%

36%

Allysson Falcon
editou em:
17/06/2018 12:12:23