A Mulher do Próximo

A Mulher do Próximo Gay Talese


Compartilhe


A Mulher do Próximo (Jornalismo Literário)


Uma Crônica da Permissividade Americana nas Décadas de 1960 e 1970




Talese mergulha fundo na intimidade de seus contemporâneos, traça um fascinante painel da mudança de costumes sexuais que varreu os Estados Unidos nas décadas de 1960 e 70 e recompõe a trama cerrada das relações entre sexo, pornografia, religião e censura no país. Nova edição com posfácio de Arthur Dapieve.

Como se fosse um romance, este livro se abre com uma cena de masturbação masculina descrita em detalhes, narra diversos episódios de adultério e sexualidade aberta e termina com o autor nu, numa praia fluvial, desafiando o olhar guloso de voyeurs. Mas nada é ficção. Os nomes das pessoas são reais e as cenas e eventos narrados aconteceram realmente. Nesta que é uma das peças mais desconcertantes do chamado "novo jornalismo", Gay Talese mergulha fundo na intimidade de seus contemporâneos e traça um amplo e fascinante painel da mudança de costumes sexuais que varreu os Estados Unidos nas décadas de 1960 e 70.

Conhecido por ir atrás de matérias "impossíveis" e temas "proibidos", por suas pesquisas exaustivas, pelo estilo elegante e pelo apurado senso histórico, Talese recompõe a trama cerrada das relações entre sexo, pornografia, religião e censura nesse país fundado por puritanos, mas onde sempre floresceram seitas de amor livre e nudismo. Chocante ao ser lançado em 1980, A mulher do próximo é hoje um clássico da história da sexualidade.

Literatura Estrangeira / Não-ficção / Sexo e Sexologia / Sociologia

Edições (6)

ver mais
A Mulher do Próximo
A Mulher do Próximo
A mulher do próximo
A mulher do próximo

Similares

(7) ver mais
A Sangue Frio
Honra Teu Pai
O Reino e o Poder
O Segredo de Joe Gould

Resenhas para A Mulher do Próximo (7)

ver mais
Jornalismo literário nota 10
on 7/8/09


O autor é um jornalista que decide contar a história do comportamento sexual norte-americano nas décadas de 60 e 70 através das próprias pessoas que fizeram a história na época: as pinups, as modelos de revistas pornográficas, os casos que foram levados aos tribunais por atentado à moral e aos bons costumes, uma colônia de nudismo que defende o livre amor, as feministas, os donos das maiores revistas de nu como Playboy e Pentshouse, entre várias outras histórias. Talese fez um trabalho... leia mais

Estatísticas

Desejam116
Trocam3
Avaliações 4.3 / 170
5
ranking 51
51%
4
ranking 34
34%
3
ranking 12
12%
2
ranking 2
2%
1
ranking 1
1%

42%

58%

Kemi
cadastrou em:
13/01/2009 22:38:29
Cioran E.
editou em:
04/12/2018 19:46:50