A Rosa Perdida

A Rosa Perdida Serdar Ozkan


Compartilhe


A Rosa Perdida





Tudo o que sobrara da mariposa que voava pela sala era uma leve fumaça ao redor da lâmpada e um vago cheiro de queimado. Olhando para o fio de fumaça, Diana se perguntou o que teria a mariposa a se atirar na luz.

'Ela deve ter atendido a uma necessidade instintiva de voar para longe da escuridão', pensou Diana. A pressa com que voou deve ter sido um ato de rebeldia contra a escuridão que a cercava. Uma rebelião contra a incerteza. Ela preferiu queimar no fogo a voar eternamente numa escuridão perpétua.

Será que ler as cartas de Maria não seria fazer como a mariposa, se jogar no fogo? Seria a escapatória para a escuridão em que ela caíra ao ignorar o último desejo da mãe? Se esse fosse o caso, para escapar de tal escuridão, incerteza e deslealdade, será que ela deveria encarar o risco de ser exterminada, como a mariposa?"

Edições (1)

ver mais
A Rosa Perdida

Similares


Resenhas para A Rosa Perdida (18)

ver mais
Muito bom!!!!
on 27/11/09


Confesso que comprei este livro porque estava com um preço bom,e também porque gostei do título. Mas assim que comecei a ler,não consegui mais parar,e como o livro é bem fino,li em um dia! É uma história que prende,faz pensar e emociona também! Lembrei muito de minha mãe! Livro Perfeito!... leia mais

Estatísticas

Desejam21
Trocam33
Avaliações 3.6 / 317
5
ranking 29
29%
4
ranking 23
23%
3
ranking 32
32%
2
ranking 13
13%
1
ranking 3
3%

12%

88%

Betty
cadastrou em:
27/04/2009 21:12:01

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR