A Sibila

A Sibila Agustina Bessa-Luís


Compartilhe


A Sibila (Coleção Folha Mulheres Na Literatura #30)





As sibilas da mitologia tinham o dom divino de conhecer o futuro. "A Sibila" de Agustina Bessa-Luís é algo mística, mas é tida como adivinha por causa da argúcia psicológica de que se vale de modo consciente a fim de superar o passado de problemas muito terrenos de sua família."A Sibila" é um labirinto histórico que trata de três gerações dos Teixeira, donos faz mais de dois séculos da Casa da Vessada, fazenda no interior de Portugal. Quina é a Sibila. Entre rezas e conselhos a gente do povo e da aristocracia, reergue as finanças familiares, arruinadas pelo pai, perdulário e mulherengo. As mulheres refazem os negócios; os homens são indolentes, oportunistas e mesquinhos. A vida da independente e solteira Quina é lembrada em meados dos anos 1950 pelo ponto de vista da sobrinha, Germa, última herdeira do clã, que conta com idas e vindas no tempo e amor ao detalhe local um século de transformação da vida portuguesa. A riqueza da narrativa levou ao sucesso este segundo romance da Bessa-Luís, nascida em 1922 e a mais premiada escritora portuguesa.
Torres Freire - Colunista da Folha

Ficção

Edições (7)

ver mais
A Sibila
A Sibila
A Sibila
A Sibila

Similares


Resenhas para A Sibila (3)

ver mais
A Sibila
on 6/1/12


Literatura portuguesa moderna de primeira. A autora escreve um livro muito bom. É um pouco lenta a leitura porque ela se utiliza bastante das retomadas, mas a história sensível, a delicadeza ao contá-la e o cuidado na escolha das palavras torna a leitura gostosa. A história também é muito interessante, bem feminina, mas homens podem ler sem susto, é um universo doce e amargo, assim como a protagonista.... leia mais

Estatísticas

Desejam32
Trocam3
Avaliações 3.4 / 53
5
ranking 32
32%
4
ranking 17
17%
3
ranking 21
21%
2
ranking 19
19%
1
ranking 11
11%

30%

70%

Steph Mostav
cadastrou em:
13/08/2017 14:42:59
Adriano Assis
editou em:
01/03/2018 23:34:22