Acaso e Repetição Em Psicanálise

Acaso e Repetição Em Psicanálise Luiz Alfredo Garcia-Roza


Compartilhe


Acaso e Repetição Em Psicanálise





A teoria das pulsões formulada por Freud em 1905 é, segundo ele próprio, "a parte mais importante da teoria psicanalítica embora, ao mesmo tempo, a menos completa". O que teria mantido essa incompletude insuperável até hoje? Acaso e repetição em psicanálise enfrenta essa pergunta tendo como referência central os textos freudianos; além de revisitar as concepções míticas da Grécia antiga, percorre outros espaços do saber habitados por Spinoza, Hegel, Kierkegaard, Nietzsche, Deleuze e Lacan.

Psicologia

Edições (2)

ver mais
Acaso e Repetição Em Psicanálise
Acaso e Repetição em psicanálise

Similares


Estatísticas

Desejam5
Trocam2
Avaliações 4.1 / 12
5
ranking 42
42%
4
ranking 42
42%
3
ranking 0
0%
2
ranking 17
17%
1
ranking 0
0%

42%

58%

Alexandre Brito
cadastrou em:
02/03/2009 23:09:12
PH
editou em:
07/01/2016 16:45:46