Amores, estertores

Amores, estertores Filipe Chamy


Compartilhe


Amores, estertores





João Cristiano poderia se ocultar em qualquer multidão de uma cidade grande. Nas linhas de seu autor, uma sucessão de eventos trágicos (ou cômicos) carinhosamente transforma este personagem num estranho amigo.

Na simplicidade está a chave virtuosa desta obra: é preciso conhecer antes de amar e não amar antes de conhecer...

Entre aforismos e bem humoradas notas, numa via que vai da filosofia antiga até o estilo contemporâneo de David Foster Wallace (se este se chamasse Machado de Assis), compõe-se aqui uma pequena obra de amadurecimento...

Ao mesmo tempo em que você se torna testemunha das várias etapas de auto-conhecimento de João Cristiano, o personagem se torna confidente das pequenas memórias entranhada em todos nós, seus leitores...

Ficção / Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Amores, estertores

Similares

(3) ver mais
O Amor nos Tempos de Cólera
Sargento Getúlio
O Grande Mentecapto

Resenhas para Amores, estertores (1)

ver mais
É Gabriel Garcia Marquez, mas ainda realista
on 16/9/16


Mesmo sem a divisão em capítulos e os parágrafos longos, que me assustou logo de cara quando dei uma folheada, o livro segue muito bem e João Cristiano é um personagem apaixonante, me identificando com ele. As pitadas de realismo fantástico estilo Gabriel Garcia Marquez (citado pelo autor em uma entrevista) acabam dando um ar ainda maior de realismo e romantismo à história, como o Ajuntado, o desejo em se tornar lobo após o término de um relacionamento e as duas sombras. E alguns termo... leia mais

Estatísticas

Desejam1
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.2 / 6
5
ranking 33
33%
4
ranking 50
50%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

58%

42%

Filipe
cadastrou em:
23/06/2016 18:10:57

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR