As Jóias da Coroa

As Jóias da Coroa Raul Pompeia


Compartilhe


As Jóias da Coroa





O livro foi inspirado em um inusitado fato real, em que as joias de propriedade de D. Pedro II foram furtadas, causando um verdadeiro alvoroço na sociedade da época. Logo descobriu-se que os verdadeiros envolvidos com o crime eram pessoas de confiança do imperador. Surpreendentemente, tempos depois, uma vez solucionado o problema e as joias terem sido recuperadas, os acusados foram perdoados e libertos, gerando diversas especulações sobre o que estaria por trás de tal decisão.
Com esta mesma premissa, Pompeia trabalha nesta novela, apenas tomando o cuidado de substituir os nomes das personagens. Pedro II foi chamado de Duque de Bragantina, o conde D’Etu (outro que teve suas joias roubadas no mesmo evento), teve apenas a substituição do título para Marquês D’Etu. Outra figura principal é a de Manuel da Pavia, que arquiteta todo o plano e conta com a ajuda de Inácio e Januário, criados de confiança do duque. Pavia também é um daqueles serviçais que fazem tudo para o seu patrão, inclusive os trabalhos sujos. Além disso, ele também negocia uma noite de amor da afilhada de Januário, a adolescente Conceição, com o Duque de Bragantina. Mas Emília, a nora de Januário possui um grande segredo que pode pôr tudo a perder aos planos do duque e de Pavia.
Algumas das características da obra máxima de Pompeia estão presentes ali no narrador de "As Joias da Coroa": o detalhismo das descrições, a análise psicológica das personagens (mesmo que mais rasa em comparação aos seus trabalhos posteriores). A diferença entre a prosa deste “Joias” com a do “Ateneu” é gritante. Afinal “As Joias da Coroa” não tem a mesma profundidade do clássico que inscreveu Pompeia entre os maiores autores do Realismo-Naturalismo brasileiro, porém foge ao título de um trabalho menor na curta carreira literária de Pompeia que suicidou-se aos 32 anos. Torna-se uma crítica ácida às relações de poder no Brasil Império e o quanto elas escondem de sujeira em seus bastidores. Panorama que não parece ter mudado muito hoje em dia com os políticos desta atual república nacional.
site: https://escritoswesleymoreira.blogspot.com.br/2013/07/na-estante-9-as-joias-da-coroa-raul.html

Literatura Brasileira

Edições (2)

ver mais
As Jóias da Coroa
As Jóias da Coroa

Similares

(16) ver mais
Amores Proibidos na História do Brasil
As jóias da coroa
O Mistério da Coroa Imperial
O Xangô de Baker Street

Resenhas para As Jóias da Coroa (1)

ver mais
.aos 45 do segundo tempo...
on 15/9/20


Esse sabe como fazer um plot twist.!... leia mais

Estatísticas

Desejam9
Trocam2
Avaliações 3.0 / 43
5
ranking 9
9%
4
ranking 14
14%
3
ranking 51
51%
2
ranking 23
23%
1
ranking 2
2%

37%

63%

Rose
cadastrou em:
31/07/2009 17:43:51
lucianodev
editou em:
07/11/2018 00:17:39