As velas ardem até ao fim

As velas ardem até ao fim Sándor Márai


Compartilhe


As velas ardem até ao fim





Um pequeno castelo de caça na Hungria, onde outrora se celebravam elegantes saraus e cujos salões decorados ao estilo francês se enchiam da música de Chopin, mudou radicalmente de aspecto. O esplendor de então já não existe, tudo anuncia o final de uma época. Dois homens, amigos inseparáveis na juventude, sentam-se a jantar depois de quarenta anos sem se verem. Um passou muito tempo no Extremo Oriente, o outro, ao contrário, permaneceu na sua propriedade. Mas ambos viveram à espera deste momento, pois entre eles interpõe-se um segredo de uma força singular...

Edições (1)

ver mais
As velas ardem até ao fim

Similares

(5) ver mais
As brasas
De verdade
Os Resíduos do Dia
O Nó de Víboras

Resenhas para As velas ardem até ao fim (12)

ver mais
on 11/1/21


é uma leitura fácil e rápida, apesar do início dele ser bem monótono, ele é recheado de questionamentos que colocam o leitor para refletir, isso por meio dos diversos assuntos abordados nele... leia mais

Estatísticas

Desejam40
Trocam1
Avaliações 4.1 / 77
5
ranking 39
39%
4
ranking 40
40%
3
ranking 21
21%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

19%

81%

Valdirene
cadastrou em:
19/11/2012 13:15:37