Autobiografia precoce

Autobiografia precoce Pagu


Compartilhe


Autobiografia precoce





Único texto autobiográfico deixado por Patrícia Galvão, “Autobiografia precoce” é um relato emocionante sobre a vida de uma mulher forte, revolucionária e única.

Escrito em 1940, após uma das 23 vezes que Pagu sai da prisão, "Autobiografia Precoce" fala sobre a militância política, os filhos, os relacionamentos e várias outras camadas da vida de uma das mulheres mais emblemáticas do Brasil.
O texto mostra Pagu sem subterfúgios, de forma sincera e corajosa. Do lado pessoal, ela relata sua iniciação sexual precoce e o conturbado casamento com Oswald de Andrade; da vida pública, ela conta sobre a militância no Partido Comunista e o desencanto com o regime soviético.
Patrícia Galvão quase sempre foi vista pela lente masculina: seja por seus relacionamentos ou por como sua arte se comparava à de homens da época. Em "Autobiografia Precoce", não existem intermediários: temos acesso a uma Pagu que escreve sobre si. Um livro essencial para se compreender uma das personagens mais intrigantes da história brasileira.

Biografia, Autobiografia, Memórias

Edições (1)

ver mais
Autobiografia precoce

Similares


Resenhas para Autobiografia precoce (7)

ver mais
http://gramaturaalta.com.br/2020/12/01/pagu-autobiografia-precoce/
on 1/12/20


Patrícia Galvão, a PAGU, nasceu em 1910. Ela foi uma das personagens mais famosas do século xx. Ativista política, intelectual, escritora, poetisa, diretora, tradutora, desenhista, cartunista, jornalista, em 1933, publicou seu primeiro romance proletário brasileiro, PARQUE INDÚSTRIA. Além de sua vasta produção jornalística, é também autora de A FAMOSA REVISTA e dos contos policiais SAFRA MACABRA. Pagu teve grande destaque no movimento modernista, iniciado em 1922, com a Semana de Ar... leia mais

Estatísticas

Desejam27
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.1 / 24
5
ranking 42
42%
4
ranking 42
42%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

14%

86%

cinthia
cadastrou em:
11/09/2020 21:23:07
Kristine Albuquerque
editou em:
20/09/2020 12:09:13