Ave, Eva! Ecce Homo

Ave, Eva! Ecce Homo Maiky da Silva


Compartilhe


Ave, Eva! Ecce Homo





Cada verso dos poemas de Ave, Eva! Ecce Homo nos prepara para grandes acontecimentos. Feito teoria da conspiração de sentimentos, somos impelidos a abraçar nossas contradições e a nos aprontar para mostrar novos quereres.

“Abismei velhas teorias”

Desenfreados e ofegantes como uma realidade que adora ostentar desobediências, os poemas do Maiky nos arregalam os olhos e transformam o sentir num ato sagrado. Eu li e conjurei: quero ir com eles e, de olhos e coração arregalados, experimentá-los como gosto de baba de moça.

Repetidamente, os versos contidos aqui desenham paisagens íntimas que escorrem pele afora. Os sinais são muito evidentes, pois os sentidos começam a fazer sentido. Dá para reescrever escritos sagrados e redesenhar mitos com os poemas. O medo de encontrar portas trancadas com anúncios de notícias tristes dá lugar a um levante de sopro e fúria.

“eu volto a usar canecas de alumínio

e quebro um por um os copos de vidro”

Abrindo as gavetas de realidades guardadas nestes poemas, me deparo com essa vontade de rompantes, conversas sinceras e embates como resultado de uma experiência de imersão em mim mesmo. Adoro a possibilidade de um agora sem dor e sem ruídos como quem não se sente mais sozinho em um mar de interrogações. É loucura, eu sei, mas os poemas deste livro me incluem numa grande conspiração junto às minhas incertezas.

É possível dizer também que, nestas páginas, estão contidas uma coleção de pequenas epifanias espalhadas em nós mesmos. Já se permitiu uma coleção assim? Foi tão bom percorrer as linhas e entrelinhas do Maiky Silva que sinto irradiando um pequeno chuveiro de chispas para dentro do meu corpo, tentando tocar fragmentos e reunir minha história num único enredo: sincero, raro, meu, de fato.

Devo nomear? Ou apenas sentir?

(Wolney Fernandes)

Poemas, poesias

Edições (1)

ver mais
Ave, Eva! Ecce Homo

Similares

(3) ver mais
A primavera que caço é um mar
Risco Escuro na Claridade
Coro Infante ao Pássaro

Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.7 / 3
5
ranking 67
67%
4
ranking 33
33%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

67%

33%

Márcia Palloma
cadastrou em:
20/07/2019 18:41:49