Batman: Morte em Família

Batman: Morte em Família Jim Starlin...


Compartilhe


Batman: Morte em Família





Em seu confronto definitivo com o Menino-Prodígio, o Coringa contou com a colaboração de alguns dos mais improváveis aliados - os leitores do Cavaleiro das Trevas! Era 1988, o 50º aniversário do Batman, e os fãs tiveram uma oportunidade como nenhuma outra decidir o destino de um personagem. Os leitores tinham a possibilidade de votar em dois desfechos para a história - manter inalterado o status de Batman e Robin, a Dupla Dinâmica, ou retornar o Homem-Morcego ao que era no início de sua carreira, um solitário taciturno combatente do crime. A votação aconteceu, os resultados foram contabilizados e a escolha foi feita! Após sua maior derrota, Jason Todd - o Robin - foi assassinado pelo Coringa e Batman tornou-se uma vez mais o solitário protetor de Gotham City. Mas quais seriam as ramificações de uma tragédia como essa? O Cavaleiro das Trevas passaria a ser um vigilante mais dedicado a sua luta por justiça ou perderia o rumo, incapaz de se recuperar de uma derrota dessas? A resposta para essa pergunta é respondida em 'Um lugar solitário para morrer', que mostra o surgimento de outra figura muito importante para o personagem Tim Drake. Batman realmente precisa de um Robin?

HQ, comics, mangá

Edições (2)

ver mais
Batman: Morte em Família
Batman: Morte em Família

Similares

(30) ver mais
Batman: Silêncio, Parte 2
Superman: O Último Filho
Liga da Justiça: Torre de Babel
Batman: O Longo Dia das Bruxas - parte 1

Resenhas para Batman: Morte em Família (12)

ver mais
on 2/8/20


Gráficos lindos, falas marcantes e o vulgo bebê Jason Todd tem coisa melhor?... leia mais

Estatísticas

Desejam139
Trocam2
Avaliações 4.1 / 623
5
ranking 40
40%
4
ranking 40
40%
3
ranking 17
17%
2
ranking 3
3%
1
ranking 1
1%

70%

30%

Renato Bargiela
cadastrou em:
19/12/2009 00:02:13
uma leitora
editou em:
11/06/2020 10:25:10