Beijo, boa sorte

Beijo, boa sorte Ana Elisa Ribeiro


Compartilhe


Beijo, boa sorte





Os narradores destes contos são tão distintos dos outros de Ana e são tão distintos em sua simplicidade. Eles contam histórias duras, mas parecem dar a receita de bolinhos antigos enquanto acariciam o camafeu. As histórias não se parecem com os poemas de Ana nem com suas histórias para crianças nem com suas crônicas. Nem Ana se parece com ela. Aqui ela se parece com outros escritores bastante cruéis, daqueles que nos dão receitas para assassinar um grande amor apenas tornando-o seco e frio dia a dia; ou contam histórias de famílias que se parecem muito com a nossa, inclusive pelo que têm de triste e trágico.

Ah, sim, o amor! Com exclamações. E também as relações que o amor impõe não a personagens, mas a seres humanos reais tão iguais a nós que só podem ser ficcionais. E também como as histórias de amor feliz são falsas como o afeto que dedicamos à lembrança que temos dos objetos guardados no baú da vovó. As exclamações aqui são de dor, espanto, cansaço.

Os contos de Ana não dão trégua aos narradores que se apresentaram para a jornada: sua obrigação é nos conduzir por corredores que se tornam estreitos e mal iluminados a cada linha, de modo a nos tornar dependentes deles; precisamos nos agarrar em suas mãos porque a certeza de que vamos tropeçar e cair só aumenta; mal conseguimos respirar, tentamos ver se há certeza em seus rostos, mas antes de desistirmos apenas percebemos seus olhos frios tateando o mesmo escuro que nos amedronta. E mesmo assim nos tornamos dependentes desses labirintos e desses guias cegos.

Contos / Ficção / Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Beijo, boa sorte

Similares

(2) ver mais
Marmelada
Contemporâneas

Resenhas para Beijo, boa sorte (1)

ver mais
pequenos grandes contos
on 25/2/16


"Felizinhas Lembro de minha mãe com algodão nas narinas e sete furos abaixo do seio esquerdo. Ornamentais. E também lembro da minha avó roxinha, roxa que nem repolho, com uns ornamentos no pescoço. E me ensinaram que elas eram felizes." (p. 17) Confira no blog:... leia mais

Vídeos Beijo, boa sorte (1)

ver mais
CONTOS CURTOS CONSEGUEM IMPACTAR O LEITOR? Um papo sobre Beijo, boa sorte (Ana Elisa Ribeiro)

CONTOS CURTOS CONSEGUEM IMPACTAR O LEITOR? Um


Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.3 / 7
5
ranking 43
43%
4
ranking 43
43%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

19%

81%

Jenifer
editou em:
19/07/2020 15:45:17