Brasil: Colônia de Banqueiros

Brasil: Colônia de Banqueiros Gustavo Barroso


Compartilhe


Brasil: Colônia de Banqueiros


(História dos empréstimos de 1824 a 1934)




Com muita propriedade, o grande escritor, folclorista, ensaísta, poeta, jornalista, membro mais jovem da Academia Brasileira de Letras e Integralista Gustavo Barroso chamou o Brasil da década de 30 de um país “ Colônia de Banqueiros” ( o livro de Gustavo Barroso é leitura proibida pelos “ Donos do Mundo”). Não foi a toa que o escritor usou esse termo, visto que o país até 1930 era uma Nação meramente agrária, que dependia do Capital Estrangeiro para quase tudo, desde a implementação de insumos agrícolas, até a aquisição de bens duráveis, meios de produção e estruturas de saúde e educação. A História da Independência do Brasil certamente poderia ser caracterizada como uma farsa circense, pois o Brasil jamais deixara de ser Independente, tendo se desvinculado das garras de Portugal para cair nas garras dos banqueiros internacionalistas Rotschild, Rockfeller e a Casa dos Morgan, que emprestaram em 1823 a módica quantia de 2 milhões de libras esterlinas para que o Brasil pagasse sua “ Independência”, cobrando os famigerados juros que desde então escravizaram nossa economia. E quando o Barão de Mauá tentou implantar uma indústria siderúrgica de base no Brasil, uma Termelétrica a gás e o complexo naval da Ponta da Areia, esses salafrários banqueiros tudo fizeram para impedir o empreendimento brasileiro, usando de toda a patifaria e sordidez que bem caracterizam as ações desses agiotas satânicos. Isso sem contar a Guerra do Paraguai, inventada para destruir os anseios industriais brasileiros e paraguaios, além da venda hiper-lucrativa de armas para as matanças.

Edições (1)

ver mais
Brasil: Colônia de Banqueiros

Similares

(1) ver mais
O esfacelamento da nação

Resenhas para Brasil: Colônia de Banqueiros (1)

ver mais
E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.
on 18/1/19


Livro para se ler meditando e aprendendo e ganhando, ao mesmo tempo, profunda revolta contra a ordem política e social que nos entregou à voracidade vulpina do super-mecanismo financeiro que asfixia todas as nações.”... leia mais

Estatísticas

Desejam5
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.5 / 13
5
ranking 69
69%
4
ranking 15
15%
3
ranking 8
8%
2
ranking 8
8%
1
ranking 0
0%

79%

21%