Cachorro morto na lavanderia: os fortes

Cachorro morto na lavanderia: os fortes Angélica Liddell


Compartilhe


Cachorro morto na lavanderia: os fortes





Na peça Cachorro morto na lavanderia: os fortes, a premiada dramaturga Angélica Liddell ressuscita o gênero apocalíptico da política-ficção em um texto que nos permite refletir sobre as experiências totalitárias e é capaz de entrever as catástrofes rumo às quais o homem caminha. O texto, traduzido por Beatriz Sayad, tem em seu cerne um fragmento do Contrato Social, de Rousseau, e mergulha em discussões insólitas sobre a decadência — ou a catástrofe — das premissas sobre as quais se constroem o pensamento iluminista-ocidental: liberdade, igualdade, fraternidade, justiça e racionalidade.

Ficção

Edições (1)

ver mais
Cachorro morto na lavanderia: os fortes

Similares

(3) ver mais
Dentro da Terra
Münchausen
O Princípio de Arquimedes

Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam1
Avaliações 3.7 / 3
5
ranking 33
33%
4
ranking 33
33%
3
ranking 0
0%
2
ranking 33
33%
1
ranking 0
0%

46%

54%

Pedro
cadastrou em:
19/03/2016 22:39:14