Céu, Azul Céu

Céu, Azul Céu Cândido


Compartilhe


Céu, Azul Céu





Quando Clara deixou Garopaba ela não imaginava que teria de voltar para a sua cidade natal um dia.
Agora, vítima de um glaucoma, viver com os avós naquele lugar parece ser a melhor escolha.
O problema é que ela precisa enfrentar toda a carga do passado com uma bagagem ainda mais pesada.
Em meio a chegada das festas de natal, as luzes se acendem e o espírito natalino percorre as suas, será que ele conseguirá salvar Clara da escuridão que ela se colocou?

Contos / Drama / Romance

Edições (1)

ver mais
Céu, Azul Céu

Similares


Resenhas para Céu, Azul Céu (1)

ver mais
Superação e auto descoberta
on 7/9/20


Clara é uma jovem de vinte oito anos que perdeu a visão para o glaucoma. E, esta nova condição muda a sua vida por completo. Ela que era uma mulher independente, deixou a cidadezinha em que nasceu para cursar a faculdade de letras e conquistou o seu lugar no mundo, se vê perdida e dependente outra vez, tendo que reaprender a fazer as coisas mais simples da vida, como andar. Por isso, ela acaba tendo de voltar à casa de seus avós, Dona Genair e seu Osvaldo, na pequena cidade Garopaba. ... leia mais

Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.6 / 7
5
ranking 71
71%
4
ranking 29
29%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

8%

92%

Fran
cadastrou em:
24/12/2019 12:20:32
Fran
editou em:
06/04/2020 22:06:33