Contos Escolhidos

Contos Escolhidos Aldous Huxley


Compartilhe


Contos Escolhidos





Mestre da "narrativa de ideias", Aldous Huxley retratou, com o rigor ferino do humor britânico, a comicidade involuntária da tragédia de seus personagens, atordoados na agitação desesperada dos "loucos anos 1920". Nesse período, Huxley publicou cinco livros de contos e novelas, seus primeiros quatro romances, além de vários volumes de ensaios, críticas e relatos de viagem. Três décadas e outra guerra depois, tendo trocada a velha Inglaterra pelos Estados Unidos e abandonado a narrativa curta para se dedicar aos experimentos filosóficos e aos romances, foi convencido a reunir seus melhores contos em um único volume. O resultado da escolha gerou o livro que o leitor tem em mãos, publicado pela primeira vez em 1857.

Os vinte e um contos valem por si, mas também reconhecemos neles a semente daquilo que, nos romances posteriores, iria caracterizar o típico narrador huxleyano: a crítica à afetação intelectual da elite inglesa e a exposição do tédio e do vazio de uma vida desprovida de sentido prático em tempos difíceis. A grandeza de Huxley, nesses breves contos, está na denúncia ao mesmo tempo trágica e irônica da pequenez do esnobismo elitista e vulgar de seus contemporâneos, e na firme convicção de que a cultura deve sempre criticar a si mesma, se não quiser ser reduzida a mera conversa de salão.

Edições (2)

ver mais
Contos Escolhidos
Contos Escolhidos

Similares

(14) ver mais
As Portas da Percepção/Céu e Inferno
Os Demonios de Loudun
Sem Olhos em Gaza
Contraponto

Resenhas para Contos Escolhidos (3)

ver mais
Sem máscara.
on 4/9/16


Huxley descreve a sociedade tal como ela é. Uns são bons, outros não. A inveja, cobiça, comportamentos calculistas que observamos no dia a dia... Muito bom.... leia mais

Estatísticas

Desejam94
Trocam1
Avaliações 3.9 / 57
5
ranking 30
30%
4
ranking 40
40%
3
ranking 19
19%
2
ranking 11
11%
1
ranking 0
0%

44%

56%

Marcos
cadastrou em:
11/02/2014 18:20:15