Escravidão e cidadania no Brasil monárquico

Escravidão e cidadania no Brasil monárquico Hebe Mattos


Compartilhe


Escravidão e cidadania no Brasil monárquico





A Constituição outorgada de 1824, que pela primeira vez definia os direitos e deveres dos cidadãos do jovem Brasil, legitimava ao mesmo tempo a continuidade da escravidão. Este livro busca esclarecer o que significavam esses direitos e deveres para a imensa população livre afrodescendente no Brasil monárquico, num momento em que a moderna noção de raça começava a tomar forma no Ocidente.

Edições (1)

ver mais
Escravidão e cidadania no Brasil monárquico

Similares

(16) ver mais
Trópico dos Pecados
Rio, Cidade-Capital
Uma História Social do Conhecimento
O Império em Procissão

Resenhas para Escravidão e cidadania no Brasil monárquico (1)

ver mais
Cidadania para Todos!
on 7/7/18


O livro traz uma boa visão de como era tratada a questão da abolição no século XIX, principalmente em relação a constituição de 1824. Essa conquista veio com muito sofrimento e esforços tanto dos cativos, como de abolicionistas, que sofriam duras humilhações e que, no geral não se retrata essas lutas no contexto da História da nossa Nação. É uma leitura breve e enriquecedora...... leia mais

Estatísticas

Desejam12
Trocam1
Avaliações 3.7 / 30
5
ranking 20
20%
4
ranking 37
37%
3
ranking 37
37%
2
ranking 7
7%
1
ranking 0
0%

44%

56%

Eduardo
cadastrou em:
06/12/2009 21:01:10