Poética - Organon - Política - Constituição de Atenas

Poética - Organon - Política - Constituição de Atenas Aristóteles


Compartilhe


Poética - Organon - Política - Constituição de Atenas (Os Pensadores #03)





"Aristóteles foi, durante séculos, o oráculo da filosofia, e sua obra foi olhada como a soma dos conhecimentos humanos; emancipando-se de sua autoridade é que a filosofia abriu novos caminhos. Todavia, se havia acabado por se esclerosar numa escolástica, o pensamento aristotélico foi, em sua fonte, animado por imensa curiosidade científica e vigoroso espírito científico." Aristote et son École, Joseph Moreau, 1962. "Como, por quais meios argumentativos, obtém-se uma intensidade suficiente de adesão dos espíritos? O estudo filosófico desse problema foi inteiramente negligenciado pelos modernos. É verdade que houve, no século passado, alguns padres de grande reputação e admirável perspicácia, tais como o arcebispo Whately e o cardeal Newman, que se ocuparam do assunto, em conseqüência de questões suscitadas pela prédica. Num domínio inteiramente diferente, o assunto também atraiu a atenção, em particular nos Estados Unidos, dos especialistas em publicidade e propaganda. Mas é aos pensadores da Antiguidade greco-romana, ao Aristóteles dos Tópicos e da Retórica, e ao Quintiliano da Instituição Oratória que é preciso volver, se sequer encontrar precursores para nosso modo de encarar o problema da argumentação." Rhétorique et Philosophie, Chaim Perelman, 1952.

Filosofia

Edições (6)

ver mais
Aristóteles
Aristóteles
Poética - Organon - Política - Constituição de Atenas
Aristóteles

Similares

(4) ver mais
Aristóteles
Fundamentos Naturais da Ética
O que é o contemporâneo? e outros ensaios
A Ética dos Antigos

Estatísticas

Desejam28
Trocam8
Avaliações 3.9 / 137
5
ranking 31
31%
4
ranking 32
32%
3
ranking 31
31%
2
ranking 6
6%
1
ranking 0
0%

58%

42%

Kelerson
cadastrou em:
03/02/2009 21:15:44
Samir Calaça
editou em:
04/10/2019 11:34:25