Feliz ano velho

Feliz ano velho Marcelo Rubens Paiva


Compartilhe


Feliz ano velho


Edição comemorativa de 40 anos




Um clássico da não ficção brasileira lançado em 1982, Feliz ano velho marca a estreia de Marcelo Rubens Paiva na literatura e desde então vem conquistando gerações de leitores com sua prosa tocante e ao mesmo tempo irreverente. Essa edição comemorativa de 40 anos inclui caderno de fotos e apresentação de Maria Ribeiro.

O romance autobiográfico sobre o acidente que colocou Marcelo Rubens Paiva em uma cadeira de rodas quando tinha vinte anos se tornou, rapidamente, sucesso de público e crítica – liderou por quatro anos a lista dos mais vendidos; ganhou versões, entre outros idiomas, em inglês, espanhol e tcheco; foi adaptado para o teatro e para o cinema; conquistou prêmios como o Jabuti; se tornou tema de inúmeros trabalhos e pesquisas nas universidades país afora. Porém, o que se revela mais importante é como até hoje não para de conquistar uma legião de leitores.

Longe de ser o simples testemunho de uma experiência dolorosa, Feliz ano velho é o retrato geracional de uma juventude que, no final dos anos 1970, experimentava a abertura do governo militar e o sonho da redemocratização. O estilo de Marcelo, calcado num humor despretensioso e ao mesmo tempo mordaz, afasta a narrativa de qualquer pendor para o melodrama ou a autopiedade – pelo contrário, esse é um texto de enorme força que, passados quarenta anos, continua atual, vibrante e uma leitura indispensável.

Biografia, Autobiografia, Memórias / Literatura Brasileira / Romance / Não-ficção

Edições (18)

ver mais
Feliz ano velho
Feliz Ano Velho
Feliz ano velho
Feliz Ano Velho

Similares

(38) ver mais
Minha Profissão é Andar
O Escafandro e a Borboleta
MARA GABRILLI - DEPOIS DAQUELE DIA
Depois daquela viagem

Resenhas para Feliz ano velho (639)

ver mais
Não gostei
on 24/1/10


O livro é elogiado por muitos devido ao fato de que o autor trata o tema do seu acidente de forma "leve" e nada dramática. No entanto, a meu ver, isso é feito de uma maneira muito forçada. O Marcelo tenta mostrar-se muito liberal, descontraído e engraçado, mas exagera tanto no seu liberalismo que não dá para acreditar que tudo ocorreu da forma como ele conta. Não sou conservadora, mas também me desagradou a forma como ele trata alguns temas durante a narrativa. Em certos trechos são co... leia mais

Vídeos Feliz ano velho (3)

ver mais
FIM DE ANO TAG LITERÁRIA | O que ainda quero ler em 2022

FIM DE ANO TAG LITERÁRIA | O que ainda quero


Estatísticas

Desejam1.158
Trocam139
Avaliações 4.0 / 16.230
5
ranking 40
40%
4
ranking 34
34%
3
ranking 20
20%
2
ranking 5
5%
1
ranking 2
2%

23%

77%

Jenifer
cadastrou em:
11/10/2022 18:40:26
Jenifer
editou em:
11/10/2022 18:41:23

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR