História e psicanálise

História e psicanálise Michel de Certeau


Compartilhe


História e psicanálise


entre ciência e ficção




Michel de Certeau é considerado uma figura singular da Escola Francesa na área da história. Sem ter esperado o salvo-conduto de quem quer que seja nem ter solicitado a aprovação dos guardiões das diferentes disciplinas, ele atravessou as fronteiras entre os campos do saber ao se alinhar contra o empobrecimento da história por confinamento e ao assegurar sua abertura a outras áreas do conhecimento. Trouxe um olhar incisivo sobre o intercâmbio dos métodos, objetivos e modelos que determinam as maneiras de escrever a história. Dessa indagação retomada, desse vaivém entre passado e presente, os textos reunidos neste volume procuram entrelaçar os fios - tratam de Foucault, Freud e Lacan, mas também da análise do poder, do corpo, da loucura e da ficção na história. Em vez de uma tentativa de misturar - entre história, psicanálise, linguística ou antropologia - os gêneros e os métodos, ou até mesmo de embaralhar as identidades dos saberes, Michel de Certeau empreende o deslocamento necessário de um conhecimento para outro, a fim de acompanhar uma questão que, tendo surgido em determinado domínio, não recebeu tratamento satisfatório.

Edições (1)

ver mais
História e psicanálise

Similares

(18) ver mais
Evidência da História
Regimes de Historicidade
A Interpretação das Culturas
Do Cabaré ao Lar

Estatísticas

Desejam19
Trocam1
Avaliações 3.8 / 8
5
ranking 25
25%
4
ranking 50
50%
3
ranking 13
13%
2
ranking 13
13%
1
ranking 0
0%

51%

49%

Eduardo
cadastrou em:
18/12/2011 00:34:49