Ilustre Poesia

Ilustre Poesia Pedro Gabriel




Ilustre Poesia


Eu me chamo Antônio




Antônio é um personagem de um romance que ainda está para ser escrito e que, entre um chope e outro, despeja frases e desenhos em guardanapos no bar que frequenta. Pedro Gabriel é autor da página Eu me chamo Antônio, no Facebook e no Instagram, que reúne as divagações e os rabiscos de seu alter ego. Antônio pertence à ficção e conquistou mais de 1 milhão de seguidores na internet. Pedro, por sua vez, consolidou seu espaço na literatura com dois best-sellers: Eu me chamo Antônio (2013) e Segundo (2014). Em Ilustre Poesia, seu terceiro livro, fantasia e realidade colidem. Criador e criatura dialogam por meio de palavras e ilustrações.

Desta vez, Antônio procura escapulir do confinamento nos quadradinhos de papel dos guardanapos e ganhar a liberdade. Ao mesmo tempo, Pedro Gabriel explora galáxias, as profundezas do mar e os confins da terra em textos de prosa poética que podem ser lidos como uma espécie de correspondência com o personagem. O senso de humor, a irreverência e o gosto pelos trocadilhos são compartilhados pelo personagem e seu poeta.

A relação entre Pedro Gabriel e Antônio começou há quatro anos no balcão do Café Lamas, um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro. Pedro costumava passar as noites tomando chope e escrevendo em guardanapos com caneta hidrográfica. Um belo dia, ocorreu-lhe a ideia de fotografar suas criações e compartilhá-las no Facebook. O sucesso foi imediato. Em poucos meses, ele havia se transformado numa verdadeira celebridade da internet.

Literatura Brasileira / Poemas, poesias

Edições (1)

ver mais
Ilustre Poesia

Similares

(8) ver mais
Pelo Ralo
Eu Me Chamo Antônio
Segundo
Lunch Box

Resenhas para Ilustre Poesia (8)

ver mais
Poesia com aroma próprio
on 4/10/16


O Pedro não aprendeu a decepcionar. Ilustre Poesia, seu terceiro livro, mostra que ele tem o que eu gosto de chamar de "Mente Pixar". Ter a Mente Pixar é não se conformar com a mesmice, não ter medo de arriscar e tentar algo novo. No primeiro livro, tivemos uma coletânea de guardanapos, que inspiraram muitos a utilizar objetos cotidianos para fins poéticos. O primeiro livro é incrível, e marca o início da jornada de Pedro (e de Antônio!). No segundo, Pedro já introduz pequenos textos, ... leia mais

Vídeos Ilustre Poesia (1)

ver mais
ILUSTRE POESIA, de PEDRO GABRIEL

ILUSTRE POESIA, de PEDRO GABRIEL


Estatísticas

Desejam307
Trocam2
Avaliações 4.5 / 207
5
ranking 71
71%
4
ranking 20
20%
3
ranking 7
7%
2
ranking 1
1%
1
ranking 1
1%

12%

88%

Carolyne.Goethe
cadastrou em:
20/07/2016 12:41:36
Pri Paiva
editou em:
28/07/2016 15:10:52
Pri Paiva
aprovou em:
28/07/2016 15:11:25