Incendiário

Incendiário Adriano Léo Araújo


Compartilhe


Incendiário (Psicopatas #1)





Psicopatas podem ser charmosos e extremamente astutos. Muitas vezes, suas pobres vítimas são manipuladas de tal forma que acreditam que são culpadas por suas próprias desgraças, sendo levadas ao ápice da loucura.
Também não é nada incomum a inversão de papeis, onde aquele que outrora foi uma vítima, acaba por repetir a violência por ele sofrida, assumindo assim o papel de agressor. Isso é o resultado de uma mente deturpada pelos traumas que sofreu.

Desde jovem, Moisés admirava as chamas que consumiam o canavial que ficava perto da sua cabana. O passatempo incomum proporcionava a ele um misto de paz e alívio, já que o rapaz sofria com a pobreza extrema e com a violência praticada pelo pai, um alcoólatra covarde, que fazia do filho e da esposa, o alvo de frequentes agressões.
Não demorou para que Moisés visse no fogo uma potente arma de destruição, se rendendo sem quaisquer remorsos ao poder de atração que as chamas exerciam sobre si, se tornando assim um homem frio e indiferente ao sofrimento alheio, que de forma irracional e descontrolada, é capaz de cometer os mais terríveis crimes.
Moisés se tornou um incendiário. Um assassino em série, que como tal, acredita que seus crimes são justificáveis. Um psicopata, cujos atos afetam a vida de todos que cruzam o seu caminho, como um tsunami de destruição que desencadeia um doloroso efeito dominó.

Na série Psicopatas, você irá acompanhar a vida de homens, mulheres e crianças que foram marcadas pelos mais temidos predadores sociais. Incendiário, o primeiro volume, é só a faísca do que você irá encontrar!

Romance policial / Suspense e Mistério / Terror

Edições (1)

ver mais
Incendiário

Similares


Resenhas para Incendiário (3)

ver mais
Recomendo

Psicopatas é uma série de enredos marcantes, regados a reviravoltas e... muito, muito sangue! Onde tal qual a vida real, vítimas nem sempre gozam de uma segunda chance, já que marcadas por traumas e levadas ao extremo do horror e do desespero, muitas vezes fazem escolhas com consequências desastrosas, que conforme as próprias palavras do autor, resultam num terrível efeito dominó. Durante a narrativa, Adriano nos brinda com a lamentável certeza de que finais felizes dificilment... leia mais

Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 5.0 / 7
5
ranking 100
100%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

7%

93%

Projeto Eco Literário
cadastrou em:
31/03/2019 14:36:13