Junto e misturado: uma etnografia do PCC

Junto e misturado: uma etnografia do PCC Karina Biondi


Compartilhe


Junto e misturado: uma etnografia do PCC





“As principais avenidas de São Paulo nunca estão desertas. Não posso enumerar os motivos que levam as pessoas a ganharem as ruas durante a madrugada, mas um deles conheço bem: é o dia de visita nas cadeias”



Com estas palavras, a antropóloga Karina Biondi inicia sua obra e conduz o leitor por um universo pouco conhecido, controverso e impossível de ser ignorado: o do Primeiro Comando da Capital, ou PCC, e sua história, modo de funcionamento, ética e organização política. Karina teve acesso às informações e descrições contidas neste livro como resultado de uma reunião de papéis tão rica quanto peculiar: o de antropóloga e o de esposa de detento – seu marido foi inocentado depois de seis anos de prisão, e durante esses seis anos ela o visitou semanalmente em diversas cadeias do estado de São Paulo, quando desenvolveu seu mestrado. Desta forma, por meio do relato de presos, da sua própria experiência entre os muros da prisão e dos instrumentos da etnografia, sustenta esta narrativa hábil e de forte rigor científico.



“As reflexões presentes nesse livro são fruto de experiências vivenciadas em várias unidades prisionais e também fora delas, reunidas, contudo, com vistas a conferir alguma inteligibilidade aos acontecimentos”, explica a antropóloga. O livro, cuja produção contou com o apoio da FAPESP, faz parte da Coleção Antropologia Hoje, iniciativa resultante do entendimento entre o NAU – Núcleo de Antropologia Urbana da USP e a Editora Terceiro Nome com o propósito de divulgar ensaios, resultados de pesquisas, etnografias e propostas teórico-metodológicas da Antropologia voltados para a dinâmica cultural e processos sociais contemporâneos.


Edições (1)

ver mais
Junto e misturado: uma etnografia do PCC

Similares

(6) ver mais
CV, PCC
Desterros
Cobras e Lagartos
Laços de Sangue

Resenhas para Junto e misturado: uma etnografia do PCC (1)

ver mais
Junto e misturado: uma etnografia do PCC
on 16/1/17


Apesar de ser um tema fruto de diversas pesquisas na área de segurança pública, sempre há algo novo a ser dito sobre o sistema prisional e as chamadas organizações criminosas. As dinâmicas mudam, as crises de acentuam e a impressão é que a cada nova rebelião o tema fica em evidência, mas é logo esquecido em seguida. Esse livro, então, é leitura obrigatória pra quem deseja entender ao menos uma ponta do que se passa nas prisões brasileiras. Por se tratar de uma etnografia, pode-se pen... leia mais

Estatísticas

Desejam30
Trocam1
Avaliações 4.2 / 26
5
ranking 54
54%
4
ranking 19
19%
3
ranking 23
23%
2
ranking 0
0%
1
ranking 4
4%

45%

55%

Jader Melo
cadastrou em:
30/05/2010 11:30:38