Kintsugi

Kintsugi Célini Santini


Compartilhe


Kintsugi


A arte japonesa de encontrar força na imperfeição




Como dar a volta por cima

Kintsugi é a arte de reparar peças de cerâmica quebradas, destacando as fissuras com ouro puro ao invés de tentar
escondê-las. A partir deste conceito, criou-se uma filosofia segundo a qual não se deve esconder erros e fracassos. É
preciso encarar, aprender com as adversidades e dar a volta por cima. Esta metáfora é o fio condutor usado por Céline
Santini em Kintsugi – a arte japonesa de encontrar força na imperfeição, sobreviver e voltar ainda melhor. Um livro de
desenvolvimento pessoal inspirado em uma prática zen-budista que alterna exercícios práticos, filosofia e muitas histórias
de vida. Badalada por celebridades pop como Beyoncé e Jay-Z e citada em filmes e seriados como Grey’s Anatomy, a
técnica do Kintsugi vem se transformando em uma nova tendência de comportamento mundo afora.
Descoberta no século XV no Japão, ela consiste em reparar um objeto quebrado realçando com ouro suas linhas de fissura,
em vez de disfarçá-las. Mas a filosofia do Kintsugi vai além de um simples conserto: remete à simbólica prática da cura
e da resiliência. Tratado, depois celebrado, o objeto quebrado assume seu passado, tornando-se, paradoxalmente, mais
resistente, belo e valioso do que antes do trauma. Assim como na vida.
Aprenda a cuidar das suas feridas, transforme suas linhas de fissura em marcas de força e os cacos de sua vida em
lembranças edificantes.

Literatura Estrangeira / Não-ficção

Edições (1)

ver mais
Kintsugi

Similares

(1) ver mais
Kintsugi. O Poder de Dar a Volta por Cima

Estatísticas

Desejam16
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 5.0 / 1
5
ranking 100
100%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

23%

77%

Marcelinha
cadastrou em:
08/01/2019 09:02:05
Pri Paiva
editou em:
10/01/2019 14:49:42
Pri Paiva
aprovou em:
10/01/2019 14:50:52