Labirintos da aprendizagem

Labirintos da aprendizagem Marcus Vinícius Mazzari


Compartilhe


Labirintos da aprendizagem


Pacto fáustico, romance de formação e outros temas de literatura comparada




Fruto de longa convivência com as obras e os autores analisados, Labirintos da aprendizagem, reúne oito ensaios que abordam, com inteligência, erudição e originalidade, temas fundamentais da história e da teoria da literatura — como o pacto demoníaco, as metamorfoses do romance de formação, as representações da vida escolar e outros.
Aliando a perspectiva abrangente da Literatura Comparada à análise fina da obra literária (seja esta um poema, uma novela ou um romance), o autor ilumina, por meio do estudo comparativo, obras de Goethe e Gottfried Keller, Guimarães Rosa e Thomas Mann, Raul Pompéia e Robert Musil, Manuel Bandeira e Bertolt Brecht, examinando ainda livros de Kafka e Günter Grass (que assina a imagem reproduzida na capa do volume). Merece destaque o ensaio "Veredas-Mortas e Veredas-Altas: a trajetória de Riobaldo entre pacto demoníaco e aprendizagem", no qual o autor persegue o motivo fáustico no Grande sertão, realizando, no dizer de Davi Arrigucci Jr., uma "análise percuciente do pacto com o diabo", que "traz à luz diversas novidades na compreensão do romance". Para tanto, Mazzari revisita o tema do pacto na história da literatura, remontando a aspectos do Parzifal, de Wolfram von Eschenbach (c.1170-1220), do Fausto anônimo (1587), o de Christopher Marlowe (1604), os Fausto I e II de Goethe (1808 e 1832), o célebre episódio de Ivan, em Os irmãos Karamázov (1880), de Dostoiévski, para se deter, com resultados surpreendentes, na comparação entre o percurso de Riobaldo e o do compositor Adrian Leverkühn, protagonista do Doutor Fausto (1947), de Thomas Mann.
Tal ensaio, que abre o volume, dá o tom aos temas e perguntas que serão desenvolvidos ao longo do livro, que aborda ainda outras obras de primeira grandeza, como O verde Henrique, de Gottfried Keller, e O Ateneu, de Raul Pompéia, entre outras. No conjunto, Labirintos da aprendizagem apresenta ao leitor um repertório abrangente e aprofundado de questões, tratadas com sensibilidade e, como nota Alfredo Bosi, com um "dom raro, a nitidez da escrita, que torna sua leitura um vivo prazer intelectual".

Edições (1)

ver mais
Labirintos da aprendizagem

Similares

(4) ver mais
Fausto
A História Concisa da Literatura Alemã
Ensaios Reunidos Vol. II
Fausto II: uma tragédia - Segunda parte

Estatísticas

Desejam45
Trocam1
Avaliações 4.4 / 4
5
ranking 50
50%
4
ranking 50
50%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

40%

60%

Bell
cadastrou em:
24/12/2010 17:21:20