Lando das Ruas

Lando das Ruas Carlos de Marigny

Compartilhe


Lando das Ruas (Coleção Jovens do Mundo Todo)





Em 1975, Carlos de Marigny estreia como autor com esta obra de literatura participante, um livro-denúncia que retrata a realidade social brasileira, a primeira a contar sobre a vida dos meninos de rua para o público jovem. Lando das ruas foi considerado pela crítica, junto com "Detetives por acaso", uma importante contribuição do autor nesse gênero literário. Independentemente da idade, da cor da pele e dos olhos, da estrutura familiar e da condição social das personagens contadas nesta história, desde cedo essas crianças são privadas de sua infância e partem para as ruas em busca da sobrevivência, mas encontram o medo, a violência e o crime. Dois grupos rivais disputam e defendem seus territórios. Lando era mestre em fuga. Boibava, incansável na perseguição. Lando, sem querer, reconhece o chefe dos assaltantes de um banco e é levado por eles.

"Não para tomar sorvete nem para passear no bosque enquanto o seu lobo não vem. Muito pelo contrário, mergulha com roupa e tudo na boca da fera." A história tem um desfecho surpreendente....

Drama / Aventura / Infantojuvenil / História / Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Lando das Ruas

Similares

(36) ver mais
Pai-De-Todos
Roteiro de Leitura: Capitães da Areia
Capitães de Areia
O Menino de Palmares

Estatísticas

Desejam1
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 2.7 / 6
5
ranking 17
17%
4
ranking 17
17%
3
ranking 17
17%
2
ranking 17
17%
1
ranking 33
33%

31%

69%

rsoaresm
cadastrou em:
11/10/2012 20:23:18
orffeus
editou em:
04/08/2015 23:50:56