Lendo Lolita em Teerã

Lendo Lolita em Teerã Azar Nafisi


Compartilhe


Lendo Lolita em Teerã





Esta é a história do sonho de Azar Nafisi e do pesadelo que o fez se tornar realidade. Durante dois anos, antes de deixar o Irã, em 1997, Nafisi reuniu sete jovens mulheres em sua casa, todas as manhãs de quinta-feira, para ler e discutir obras proibidas da literatura ocidental. Todas eram suas antigas alunas da universidade. No início, todas se sentiam tímidas e desconfortáveis, desacostumadas com o fato de expressarem seus pontos-de-vista, mas com o passar dos dias começaram a se abrir e a falar mais naturalmente, não apenas sobre os romances que liam, mas também sobre suas vidas pessoais, seus sonhos e seus desapontamentos. Suas histórias pessoais coincidiam com aquelas que liam - Crime e castigo, Madame Bovary e Lolita - a Lolita delas, do modo como a imaginavam em Teerã. A narrativa de Nafisi remonta aos primeiros dias da revolução, quando ela começou a lecionar na Universidade de Teerã, em meio a um turbilhão de protestos e manifestações. Naqueles dias frenéticos, os estudantes tomaram o controle da universidade, expulsaram membros do corpo docente e revogaram o currículo dos cursos. Em um dos episódios, quando um radical islâmico na classe de Nafisi a questionou sua decisão de ensinar O grande Gatsby, considerada por ele uma obra imoral e que pregava falsidades do Grande Satã , a professora decidiu, em uma atitude inesperada, organizar o julgamento de Gatsby. Na encenação, seu aluno seria o promotor e ela a única testemunha. Esta história é um retrato fascinante do Irã na época mais acirrada do sangrento conflito com o vizinho Iraque. A partir do sutil olhar feminino, aprendemos como era a vida e a luta das mulheres no Irã revolucionário.

Edições (2)

ver mais
Lendo Lolita em Teerã
Lendo Lolita em Teerã

Similares

(8) ver mais
100 Escovadas Antes de Ir para a Cama
Aguapés
Ao Mesmo Tempo
Middlesex

Resenhas para Lendo Lolita em Teerã (18)

ver mais
Literatura como Refúgio no Caos
on 27/2/09


A obra é um prazer para os fãs de 'livros sobre livros', como eu. Enquanto nos conta suas lembranças como professora de Literatura Estrangeira (mais anglo-americana) no Irã, Azar Nafisi reproduz boa parte das discussões que manteve com suas alunas (e um ou outro aluno) sobre a arte de Henry James, Nabokov, Jane Austen, Scott Fitzgerald... Montes de citações literárias em meio à realidade histórica de uma cultura hostil ao novo e ao não-muçulmano - denúncia, memórias, crítica literária,... leia mais

Vídeos Lendo Lolita em Teerã (1)

ver mais
Lendo Lolita em Teerã, de Azar Nafisi

Lendo Lolita em Teerã, de Azar Nafisi


Estatísticas

Desejam307
Trocam1
Avaliações 4.3 / 179
5
ranking 47
47%
4
ranking 35
35%
3
ranking 15
15%
2
ranking 3
3%
1
ranking 0
0%

15%

85%

Gleyca
cadastrou em:
27/02/2009 21:32:53