Os jovens infelizes

Os jovens infelizes Pier Paolo Pasolini


Compartilhe


Os jovens infelizes


Antologia de ensaios corsários




Na primeira metade da década de 70, com a consolidação irrecusável de um regime de expansão-consumotolerância na Itália, os sintomas do "mal burguês" eram detectados por Pasolini em toda a parte: no corte dos cabelos, nos slogans publicitários, nas declarações do Vaticano, na ideologia do "desenvolvimento", na linguagem da televisão, na escola obrigatória, na extinção dos dialetos, na erotomania generalizada, na campanha pela legalização do aborto, no "desaparecimento dos pirilampos"...
Os jovens infelizes é uma amostra inédita da militância semiológica-política do último Pasolini (1973-1975). Um verdadeiro exemplo de intervenção intelectual numa dada realidade -- a do "fascismo de consumo" --, que esta antologia procurou reconstruir selecionando e montando seus fragmentos em atenção ao público brasileiro.

Edições (1)

ver mais
Os jovens infelizes

Similares


Resenhas para Os jovens infelizes (1)

ver mais
Atual é necessário para compreender a cultura e os novos tempos
on 7/9/18


Ainda que não possa compactuar ideologicamente com Pasolini, que era comunista é filiado ao partido, essa obra dialoga com o nosso tempo. Seus ensaios demonstram uma crítica coerente e racional ao Consumismo e ao mundo pós-guerras, pós-fascismo do século XX. O consumismo adotou um discurso pior que o fascismo. Nem a igreja nem o estado democrático nem a mídia souberam como lidar com esse mal. Ao contrário, eles se uniram à esse discurso junto com a sociedade. Pasolini pode ser taxado h... leia mais

Estatísticas

Desejam2
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.4 / 7
5
ranking 57
57%
4
ranking 29
29%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

43%

57%

Roberta Carmona
cadastrou em:
25/06/2013 22:25:37