A Lenda do Santo Beberrão

A Lenda do Santo Beberrão Joseph Roth


Compartilhe


A Lenda do Santo Beberrão





Num período de poucos dias, a vida de um andarilho parece ser tomada, de súbito, por uma série de eventos inexplicáveis. Tudo começa quando um sujeito endinheirado tromba com o nosso peculiar anti-herói: sem motivos claros, o bem-nascido oferece ao pobre homem uma vultosa soma em dinheiro. Apesar de viver na miséria, Andreas, o andarilho, nutre valores inquebrantáveis de idoneidade e retidão, e só aceita o dinheiro com a condição de devolvê-lo, algum dia, a uma determinada santa.

Mas aquela dinheirama súbita que lhe cai às mãos é rapidamente gasta em desbundes etílicos, e Andreas, a partir do contato com outros inusitados personagens que cruzam seu caminho, parece fadado a uma espiral alucinante de sempre protelar o acerto de sua “dívida”. Vivendo às margens do rio Sena, que, naquele entreguerras, se mostravam uma verdadeira Babel de imigrantes desorientados e andantes sem destino, Andreas não deixa de ser um alter ego de Roth, que preferia peregrinar a manter um lar definitivo, e que teria a bebida como acompanhante até o fim de seus dias.

Essa brilhante narrativa de Roth, apesar das doses naturais de humor e ironia, não deixa de ser pungente. O tom fabular empregado pelo autor contribui para evocar alguns dos sentimentos mais básicos (e perdidos) da condição humana, notadamente a bondade, a inocência, a solidariedade. Redigida às vésperas de sua morte, em 1939, "A Lenda do Santo Beberrão" é uma pequena obra-prima que Roth chamara de “meu testamento”.

Edições (1)

ver mais
A Lenda do Santo Beberrão

Similares

(3) ver mais
A Ninfa Inconstante
Hotel Savoy

Resenhas para A Lenda do Santo Beberrão (1)

ver mais
a lenda do santo beberrão
on 9/12/13


Joseph Roth nos conta em "A lenda do santo beberrão" uma fábula, uma espécie de conto de fadas, no qual acompanhamos os últimos dias de Andreas, um imigrante polonês que vaga pelas ruas de Paris, intoxicado por dores e bebida, num transe alcoólico e religioso. Uma sucessão de pequenos milagres o faz encontrar algum dinheiro e ver esse dinheiro multiplicar-se, o que possibilita que ele alterne nestes dias experiências aparentemente felizes (boas refeições e bebedeiras, comprar roupas n... leia mais

Estatísticas

Desejam11
Trocam1
Avaliações 4.1 / 39
5
ranking 33
33%
4
ranking 41
41%
3
ranking 26
26%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

64%

36%

Tito
cadastrou em:
23/09/2013 16:43:44
Tito
editou em:
13/11/2014 17:47:20