O  julgamento de Lúcifer

O julgamento de Lúcifer Adriano Moura




O julgamento de Lúcifer





Três líderes religiosos convidam Lúcifer a participar de um programa de TV. No estúdio da BGTV, tentam convencê-lo a assumir a responsabilidade por crimes praticados pela humanidade nos últimos dois mil anos. Pedofilia, charlatanismo, tortura e corrupção são crimes cometidos por personagens que se dizem portadores da palavra de Deus, o que o diabo desmente com sua astúcia e um controle remoto capaz de controlar TVs, computadores e celulares ao redor do mundo.
O julgamento de Lúcifer é um reality show surrealista em forma de livro, ou um romance que pode ser encenado ou lido em voz alta, porque nasceu no teatro e não esconde essa identidade. Como pode também, sob uma luminária, ser motivo para reflexões silenciosas. Com uma linguagem repleta de metáforas e simbologias, o romance faz referências à cultura pop, bíblica e literária para apresentar personagens que transformam a vida em ficção a fim de justificar seus atos. Caberá ao leitor escolher em quem ou em quê acreditar.

Edições (1)

ver mais
O  julgamento de Lúcifer

Similares

(1) ver mais
A Paixão de Lucífer

Resenhas para O julgamento de Lúcifer (4)

ver mais
O Julgamento de Lúcifer
on 12/1/14


O livro me conquistou no primeiro parágrafo do prólogo, que dizia que o personagem principal estava em Florença exclusivamente para ver o Davi, de Michelangelo. Tive que reconhecer que ele sabia o que admirar. O Davi é um dos maiores exemplos de beleza que já vi. Fiquei meia hora de boca aberta, só olhando para ele. No final do prólogo, senti arrepios. A última frase dele me surpreendeu e me chocou. Em O Julgamento de Lúcifer, o diabo é convidado para um reality show. O objetivo da... leia mais

Estatísticas

Desejam16
Trocam2
Avaliações 3.4 / 34
5
ranking 24
24%
4
ranking 15
15%
3
ranking 44
44%
2
ranking 15
15%
1
ranking 3
3%

35%

65%

Vitor Lacerda
cadastrou em:
09/10/2013 18:16:53