No Limite

No Limite Marin Ledun




No Limite





Com uma escrita inteligente e inovadora, Marin Ledun presenteia os fãs do gênero policial com No limite, título de ficção influenciado por um caso real ocorrido na França. Formado em sociologia do trabalho, o autor inspirou-se na onda de suicídios na multinacional France Télécom, hoje Orange, entre 2008 e 2009, período em que mais de trinta funcionários se mataram. Neste romance contundente e de extrema tensão narrativa, Ledun nos apresenta a narradora e personagem principalCarole Matthieu, médica do trabalho de uma grande empresa francesa de telefonia. Seu trabalho consiste em atender os funcionários com disfunções físicas ou psicológicas e, assim,seu consultório é visitado, dia após dia, por funcionários estressados, exaurido, deprimidos, à beira de um ato extremo. Há os que decidem cruzar a linha e tentam se suicidar, e aqueles que vão sendo aniquilados aos poucos, assassinados pela brutalidade de uma empresa que se preocupa apenas com a produtividade e o desempenho econômico. O nível de resistência dos funcionários é continuamente desafiado por rebaixamentos de cargos, transferências repentinas, demissões, tarefas impossíveis de serem realizadas e alta pressão por lucros. Após presenciar essa situação por anos, Carole está frustrada. Frustrada por testemunhar essas pessoas suportarem a pressão até não aguentarem mais, frustrada por observar o rígido sistema do qual os funcionários fazem parte sem conseguir influenciar de forma efetiva as políticas gerenciais da empresa. E toda essa frustraçãodá vazão a um senso bastante peculiar de justiça, a uma obsessão mortal para desmascarar o sistema. E como fazer isso? Aniquilando suas vítimas, a fim de chamar a atenção da sociedade para o mal da ambição desenfreada das grandes corporações. Carole decide, então, assassinar Vincent Fournier, um de seus pacientes com histórico de depressão e sofrimento psicológico devido às pressões da empresa. O ato, pensa Carole, será como um grito de socorro – um sinal de fumaça para que as pessoas prestem atenção no que está acontecendo na empresa. Mas um crime sempre traz consequências imprevistas. Como o bonito e jovem detetive Revel, encarregado do caso; ou o vigia Patrick Soulier, que estava no local na hora do crime; ou, ainda, a confusão mental que Carole enfrenta, entupindo-se de remédios e acompanhando furiosamente a investigação do crime que ela própria cometeu, enquanto planeja seus próximos passos.

Edições (1)

ver mais
No Limite

Similares


Estatísticas

Desejam19
Trocam2
Avaliações 3.1 / 13
5
ranking 8
8%
4
ranking 38
38%
3
ranking 23
23%
2
ranking 23
23%
1
ranking 8
8%

36%

64%

Nana
cadastrou em:
07/11/2013 19:53:14