A Colaboração

A Colaboração Ben Urwand


Compartilhe


A Colaboração


O Pacto Entre Hollywood e O Nazismo




Para continuar a fazer negócios na Alemanha após a ascensão de Hitler ao poder, os estúdios de Hollywood concordaram em não fazer filmes que atacassem os nazistas ou que condenassem a perseguição aos judeus na Alemanha. Ben Urwand revela esse acordo pela primeira vez - uma "colaboração" (Zusammenarbeit) que envolveu um elenco de personagens que ia desde conhecidos líderes alemães, como Goebbels, até ícones de Hollywood, como o diretor do estúdio Metro-Goldwyn-Mayer (MGM), Louis B. Mayer.

No centro da história de Urwand está o próprio Hitler, que tinha obsessão por filmes e reconhecia o grande poder desse veículo em moldar a opinião pública. Em dezembro de 1930, seu partido promoveu manifestações de rua contra a projeção em Berlim do filme "Nada de Novo no Front", o que desencadeou uma malfadada série de eventos e decisões. Com receio de perder acesso ao mercado da Alemanha, todos os estúdios de Hollywood fizeram concessões ao governo alemão e, quando Hitler chegou ao poder em 1933, os estúdios - muitos deles chefiados por judeus - passaram a negociar diretamente com seus representantes.

Urwand mostra que esse arranjo foi mantido durante toda a década de 1930, e que os estúdios de Hollywood reuniam-se regularmente com o cônsul alemão em Los Angeles para mudar ou cancelar filmes segundo a vontade dele. A Paramount e a Fox investiram os lucros obtidos com o mercado alemão em noticiários daquele país, enquanto a MGM financiou a produção de armamentos para a Alemanha. A partir da pesquisa minuciosa de documentos nunca antes examinados, "A Colaboração" levanta a cortina de um episódio da história de Hollywood - e dos Estados Unidos - que até agora ficara oculto.

História Geral / Cinema / História

Edições (1)

ver mais
A Colaboração

Similares

(43) ver mais
Cinco Voltaram
A Tela Demoníaca
Hollywood Nua e Crua
Dormindo com o Inimigo

Resenhas para A Colaboração (2)

ver mais
Afinal, Hollywood colaborou com os nazistas ou não?
1 week, 2 days ago


Escritor e historiador formado por Harvard, Ben Urwand descende de judeus e este seu livro sobre as relações entre Hollywood e o nazismo provocou muitas discussões acadêmicas e jornalísticas logo após o lançamento em 2013 (no Brasil foi lançado em 2014). David Denby, jornalista da revista The New Yorker especializado em cinema, escreveu logo depois um artigo cujo título foi uma pergunta indignada: “How Could Harvard Have Published Ben Urwand’s “The Collaboration”?” Quer dizer, como a ... leia mais

Estatísticas

Desejam71
Trocam3
Avaliações 4.1 / 36
5
ranking 42
42%
4
ranking 33
33%
3
ranking 19
19%
2
ranking 6
6%
1
ranking 0
0%

39%

61%

Bia Machado
cadastrou em:
26/06/2014 15:43:49
Marco
editou em:
07/09/2015 00:33:51