A árvore das estrelas vermelhas

A árvore das estrelas vermelhas Tessa Bridal


Compartilhe


A árvore das estrelas vermelhas





O romance de estreia da uruguaia Tessa Bridal leva o leitor a uma viagem inesquecível, através de um mundo e de uma época mais próximos do que se imagina.

A árvore das estrelas vermelhas traz um novo frescor à literatura latinoamericana ao explorar a conturbada história política do Uruguai como cenário para uma aventura de amor e altos ideais. O livro recebeu calorosa recepção da crítica especializada e arrebatou resenhas favoráveis nos jornais americanos, país onde mora a autora. Também foi vencedor do Milkweed de 1997 na categoria Ficção, o segundo maior prêmio literário beneficente dos Estados Unidos.

Em A árvore das estrelas vermelhas, a autora condensa a agonia de um povo que caminha para uma ditadura, enquanto descreve a vida através dos olhos de Magda, filha da elite uruguaia nos anos 60 e 70. Tessa mistura as memórias dessa jovem - que vive, entre bailes e chás, na expectativa de encontrar um bom marido - com a realidade de regimes opressores. A vida marcada por pequenos prazeres, como passar bons momentos à sombra de uma árvore no jardim ou passear com amigos às margens do rio da Prata, tem um fim. A instabilidade política em seu país muda para sempre a vida de Magda.

Cheio de detalhes instigantes, excelente caracterização de personagens e muita intriga política, A árvore das estrelas vermelhas é tanto uma doce história de amor e amizade quanto um olhar muito pessoal sobre um país - e um estilo de vida - em estado de sítio. Com um estilo conciso, Tessa Bridal equilibra os momentos decisivos na vida de sua personagem com delicadas reminiscências de seu passado, sem jamais resvalar para o melodrama. Um romance sobre eventos que não devem e nem podem ser esquecidos.

Ficção / Línguas Estrangeiras / Romance

Edições (1)

ver mais
A árvore das estrelas vermelhas

Similares


Resenhas para A árvore das estrelas vermelhas (3)

ver mais
on 15/12/09


Acompanhar a história de Magdalena e Marco Aurelio, dois revolucionários uruguaios, durante as décadas de 60 e 70, foi apaixonante. O Uruguai também viveu os horrores da perseguição política, na época em que a ditadura militar vigorou no Brasil. ... leia mais

Estatísticas

Desejam6
Trocam3
Avaliações 4.2 / 53
5
ranking 53
53%
4
ranking 28
28%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 2
2%

18%

82%

Márcia
cadastrou em:
03/08/2009 22:58:26
Jenifer
editou em:
11/12/2021 19:38:45

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR