Ou clavículas

Ou clavículas Cristiano Baldi


Compartilhe


Ou clavículas





Situaçoes bizarras (e até sobrenaturais) sao inseridas no cotidiano de pessoas aparentemente comuns, como num grito irracional de denúncia diante do absurdo dos microrrituais que compoem a rotina. Nao é o tipo de livro que uma professora indicaria como primeira leitura a seus alunos, pela violência e causticidade da ironia que Baldi emprega. Seja na figura de um executivo que teve o pênis amputado em Petruska, seja em Meia Briga e Alguns Poemas, o melhor conto do livro segundo o próprio criador, o mote é a trivialidade com que sao tratadas situaçoes que começam flertando com o grotesco e acabam abraçando-o como única alternativa. O deboche é recurso valorizado no livro, na figura de intervençoes politicamente incorretas do narrador brotando como verdades absolutas, alfinetando do catolicismo ao judaísmo, da jovem filiada ao PFL ao militante petista, do deficiente físico ao dançarino de boate. (Hermano Freitas, Zero Hora)

Edições (1)

ver mais
Ou clavículas

Similares


Resenhas para Ou clavículas (1)

ver mais
Bons contos
on 20/3/17


Dos livros de contos lançados pela antiga Livros do Mal, "Ou Clavículas" é o melhor dele, simplesmente por não se perder numa atmosfera "indie"; o autor tem olho vivo e soube transmitir isso nos contos, que falam desde um homem que se depara com uma boate feita dentro de sua casa até um moleque e sua irmãzinha esquisita. Tudo com irreverência. ... leia mais

Estatísticas

Desejam2
Trocam1

Edu
cadastrou em:
06/12/2009 02:34:54