Desacontecenças

Desacontecenças Aloísio Brandão


Compartilhe


Desacontecenças





O escritor Aloísio Brandão encontra nas terras nordestinas da Bahia, o solo seco e duro para suas narrações. O tempo escolhido pelo autor, é o da infância, das memórias que se formaram na mente de homem adulto, e que já no futuro, serviram como suporte as suas narrações.
Como cronista, é necessário sintetizar nas páginas breves dos contos a filosofia e a interpretação do autor, que limitado ao espaço de poucos caracteres, esforça-se em criar um estilo de escrita que se alie ao conteúdo. No conto “O circo que não estreou”, o autor mergulha nas suas memórias para relembrar um tempo no qual, quando ainda menino, teve um contato com os artistas de um circo. Neste conto o sentimento de compaixão é explorado pela comoção em relação a situação de pobreza e carência dos artistas do circo, que visto a intensa chuva que se abateu pela cidade não puderam trabalhar normalmente.
Aloísio utiliza uma linguagem próxima da oralidade, criando o seu próprio estilo estético, algumas vezes desenvolvendo a narração com uma boa exploração dos personagens, outras vezes concentrando sua ficção sobre uma ideia intensamente explorada. A “Loja de Memórias”, é um conto que ascende o escritor para o campo daqueles sentimentais, que são capazes de enxergar coisas quase invisíveis. A narração fala da loja de seu Vivaldo, estabelecimento que não produz lucro, mas em contrapartida, seu Vivaldo continua a abri a loja. Em seus questionamentos o eu lírico, percebe que a loja vende memórias e não artefatos, ela é uma resistência contra o tempo, por isto continua a funcionar.
E talvez seja este mesmo o papel da crônica, servir como um arcabouço, para guardar os conhecimentos, as memórias, as palavras, os sentimentos. Aloísio Brandão constrói assim, sua própria “Loja de Memórias” cujo capital que a sustenta, é oriundo do combustível de sua sensibilidade, desejosa de colher as coisas mais essenciais como saudade, amor, memórias.

Contos

Edições (1)

ver mais
Desacontecenças

Similares


Resenhas para Desacontecenças (1)

ver mais
on 9/11/17


O escritor Aloísio Brandão encontra nas terras nordestinas da Bahia, o solo seco e duro para suas narrações. O tempo escolhido pelo autor, é o da infância, das memórias que se formaram na mente de homem adulto, e que já no futuro, serviram como suporte as suas narrações. Como cronista, é necessário sintetizar nas páginas breves dos contos a filosofia e a interpretação do autor, que limitado ao espaço de poucos caracteres, esforça-se em criar um estilo de escrita que se alie ao conteúd... leia mais

Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 5.0 / 1
5
ranking 100
100%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

100%

0%

Penalux
cadastrou em:
31/10/2017 12:30:50