Homens Sem Mulheres

Homens Sem Mulheres Haruki Murakami




PDF - Homens Sem Mulheres


Murakami é um autor capaz de criar universos próprios, que se desdobram em romances de fôlego e personagens cativantes. Mas ele é também um excelente contista, e sua produção mais recente está reunida neste volume: sete histórias que tratam de relações amorosas e trazem o estilo único do autor.

São contos sobre o isolamento e a solidão que permeiam as relações amorosas: homens que perderam uma mulher depois de um relacionamento marcado por mal-entendidos. No entanto, as verdadeiras protagonistas destas histórias — cheias de referências à música, a Kafka, às Mil e uma noites e, no caso do título, a Hemingway — são as mulheres, que misteriosamente invadem a vida dos homens e desaparecem, deixando uma marca inesquecível na vida daqueles que amam.





Homens Sem Mulheres

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Vídeos Homens Sem Mulheres (4)

ver mais
RESENHA | HOMENS SEM MULHERES | Ep. #101

RESENHA | HOMENS SEM MULHERES | Ep. #101

HOMENS SEM MULHERES | Livros e mais #30

HOMENS SEM MULHERES | Livros e mais #30

Homens sem Mulheres | Haruki Murakami

Homens sem Mulheres | Haruki Murakami

Homens Sem Mulheres, de Haruki Murakami

Homens Sem Mulheres, de Haruki Murakami


Resenhas para Homens Sem Mulheres (27)

ver mais
Haruki Murakami - Homens sem mulheres

Editora Objetiva, Selo Alfaguara - 240 páginas - Tradução direta do japonês por Eunice Suenaga - Lançamento no Brasil 01/10/2015 (Leia aqui um trecho disponibilizado pela Editora). Sete contos inéditos no Brasil, sendo três deles já traduzidos para o inglês em 2015 e lançados em revistas literárias como a New Yorker, caso de Yesterday, Sherazade e Kino. Todos os textos têm uma unidade temática que os ligam com diferentes abordagens: a solidão e o abandono do ponto de vista masculino...