O aniversário de Juan Ángel

O aniversário de Juan Ángel Mario Benedetti




PDF - O aniversário de Juan Ángel


O aniversário de Juan Ángel foi escrito em 1971, dois anos antes de iniciar a ditadura no Uruguai. Mario Benedetti parece já se dar conta da dor dos militantes que, no ensejo de livrar seus países das garras dos militares, padecem pela derrota e pela perseguição.

Todo escrito em frases entrecortadas, como que fossem versos, esse é o romance mais experimental do autor uruguaio. Nesse livro, o leitor só tem acesso aos pensamentos e às ações do protagonista durante os seus dias de aniversário. Membro da classe média uruguaia, acompanhamos desde seu crescimento, vendo suas primeiras compreensões dos conflitos familiares, acompanhando seus relacionamentos amorosos e verificando também a tomada de consciência dos problemas políticos do seu país.

A brevidade da obra, seu transparente simbolismo, a beleza da linguagem, a raiva e a indignação fazem com que esse livro se torne uma rara joia da literatura latino-americana. Um dos escritores mais celebrados da América Latina, Mario Benedetti (1920-2009) foi perseguido pela ditadura de seu país e teve que morar no exterior por 12 anos.





O aniversário de Juan Ángel

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Vídeos O aniversário de Juan Ángel (1)

ver mais
[RESENHA] O aniversário de Juan Ángel (Mario Benedetti) | um sonho realizado ?

[RESENHA] O aniversário de Juan Ángel (Mario Bened


Resenhas para O aniversário de Juan Ángel (10)

ver mais
narrativa quase épica


o livro chegou abri o embrulho despretensiosamente não prestei atenção amassei o marcador de páginas com embrulho e tudo depois fui buscá-lo na sacola de lixo que pena todo amassado mas o guardei com o tempo tudo volta ao normal comecei apalpando a capa passando as folhas vi meu nome nos apoiadores e o de outros amigos e amigas de leitura comecei pelo primeiro verso "Esta sexta-feira intacta se abre" apesar de que hoje seja um sábado li até a última página numa sentada n...
Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR